Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Depois dos testes sobre os quais falamos aqui em março e em abril, a versão do Clubhouse para Android foi finalmente lançada, mas com duas ressalvas, a primeira é que ele só está disponível nos Estados Unidos, e a segunda, é que a criação de uma conta depende de um convite, como acontece na versão original para iOS. A chegada oficial ao Android, mais de um ano após ter sido lançado para iPhones, é um marco para o Clubhouse, e algo do qual eles estavam precisando desesperadamente, já que os downloads estavam caindo de forma vertiginosa.

Anúncio do Clubhouse para Android pelo Twitter é recado para usuários do Spaces

O anúncio foi feito pelo Twitter do app, para marcar bem o território para os novos usuários do Spaces, recém-liberado para todo mundo que tiver mais de 600 seguidores, e também em um post no blog oficial, assinado pelos fundadores Paul Davison e Rohan Seth e a equipe Clubhouse. Isso é simbólico, já que o Twitter inclusive tentou comprar o Clubhouse, mas as negociações acabaram ficando pelo caminho. Nesse texto, o Clubhouse dá as boas-vindas aos usuários do Android, e inclusive cita o Brasil, falando que o período de expansão incomum do começo desse ano lhes mostrou como a voz é um meio universal de comunicação. Tudo bem que isso não é nenhuma novidade, mas a verdade é que o Clubhouse teve o mérito de relembrar muitos desse fato.

publicidade

O Clubhouse quer aproveitar a nova versão para Android para ter um feedback dos usuários, e assim trabalhar em ajustes antes de ampliar o escopo do lançamento. O texto termina mostrando a importância dos usuários Andrid para o Clubhouse, dizendo que com o novo sistema, o Clubhouse ficará mais completo. Eles também “estamos tão agradecidos a todos os usuários Android lá fora pela sua paciência. Seja você um criador, um organizador de clubes ou alguém que só quer experimentar, estamos tão animados em te receber na comunidade.

Clubhouse vem investindo em criadores conteúdo para enfrentar concorrência

O Clubhouse anunciou recentemente que vai investir diretamente em conteúdo, ajudando criadores a criarem 50 pilotos de novos programas, ou no caso, salas. Vai ser suficiente para enfrentar não só os já citados Spaces do Twitter, que agora contam com o incentivo de doações diretas deles para os criadores de conteúdo (disponível apenas em inglês por enquanto), e Hotline do Facebook, que também é inspirado (digamos assim) no Clubhouse, algo que o Facebook de Mark Zuckerberg faz, aliás, muito bem. Zuck, aliás, parece ter gostado bastante da brincadeira após ter participado de uma sala no começo do ano, e atualmente, até o Instagram Live já virou um rival do Clubhouse, com as novas opções de desligar vídeo e o áudio de participantes.

Telas do Clubhouse para Android, que chegou (nos EUA)

A funcionalidade de áudio ao vivo com moderação de participantes chegou até ao Discord, que ofereceu sempre  salas de áudio, mas sem a possibilidade de controle específico que caracteriza o Clubhouse, com os Stage Channels. Até mesmo o Reddit, também conhecido como a origem de todos os memes, aderiu, com o Reddit Talks, canais de áudio para liberar o papo nas subeditoriais do app. Para provar que não é implicância minha, e praticamente todo mundo resolveu entrar no vagão das salas de áudio ao vivo, até mesmo o LinkedIn está na parada.

Será que a versão Android é o suficiente para retomar o protagonismo do Clubhouse?

A chegada ao Android é a saída para o Clubhouse, ou já é tarde demais para retomar o protagonismo do app? Vamos aguardar as cenas dos próximos capítulos, mas falando pessoalmente como usuário do Spaces, Discord e até do Clubhouse, no qual entro para ouvir alguns programas/salas semanais, fico feliz e satisfeito com a chegada ao Android. Tomara que o lançamento global não demore. Para quem está fora dos EUA, o link serve como pré-registro, assim você ficará sabendo em primeira mão, quando ele for lançado no seu país. Quem lê o Vida Celular vai saber antes mesmo disso, é claro!

Confira também a seção de perguntas e respostas sobre o Clubhouse para Android.

Atualização: apesar da informação do lançamento só nos Estados Unidos, muitos usuários estão conseguindo instalar o Clubhouse para Android, basta ter um convite.