Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O Discord já havia sido flagrado brincando de Clubhouse com os testes dos Stage Channels, e bem, demorou pouco para o app oficializar o recurso. Começou a ser liberada a atualização que implementa o novo recurso, com funcionalidades que realmente lembram a plataforma que iniciou a febre dos chats por voz.

O aplicativo já oferecia canais de voz nos grupos, mas de forma que qualquer um poderia falar. Assim como o Clubhouse, os Stage Channels do Discord permitem que um administrador configure quem pode falar e quem só pode ouvir, estruturando melhor debates e outras formas de conversação por áudio.

publicidade

Captura de tela dos Stage Channels do Discord

Nesse momento nem todos os grupos terão acesso ao recurso: apenas canais de comunidades, que costumam ter um grupo enorme de pessoas participando, poderão usar a novidade. Servidores pessoais ainda não acessarão a novidade.

Clubhouse que se cuide

Assim, o Discord sai na frente com os Stage Channels — ao lado do Twitter Spaces — para suprir a lacuna deixada pelo Clubhouse ao insistir no seu modelo de convites e a sua limitação aos iPhones e iPads. E mais: as rivais do Clubhouse possuem uma base de usuários enorme, que pode ser retida agora que o app promissor já foi copiado por elas.

O Clubhouse até terá uma versão no Android para chamar de sua, mas isso pode demorar alguns meses. Agora, várias gigantes do mundo tech já estão replicando as funções da plataforma nos seus produtos, por entenderem que o serviço que é a febre do momento é mais uma função replicável do que um produto exclusivo. O Clubhouse já está no mercado há um ano, mas precisa se cuidar para garantir seu espaço. A versão para Android é fundamental, só que ainda deve demorar alguns meses.

publicidade

Via The Verge