Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

E finalmente o Twitter libera a criação de salas no Spaces para todas os usuários com mais de 600 seguidores na rede. A função estava em testes há meses, e quem já usufruía da ferramenta podia abrir salas para qualquer um acompanhar. Essa ótima novidade foi informada através do blog oficial da plataforma hoje (03/05).

A distribuição da atualização já começou para os apps de Android e iOS através da Play Store e App Store, respectivamente. Porém, há essa limitação de que apenas usuários com pelo menos 600 seguidores terão a opção de criarem salas no Twitter Spaces liberado. Segundo a rede social, estudos levaram a conclusão de que a experiência do novo recurso é mais produtiva quando já há uma certa audiência consolidada.

publicidade

Bem semelhante ao Clubhouse, o Twitter Spaces é disponibilizado de forma pública antes do rival receber sua versão para smartphones e tablets Android. Atualmente o app que viralizou no final de 2020 segue exclusivo dos iPhones e iPads, mas curiosamente, teve sua versão beta apresentada hoje. A versão para o SO de código aberto já está em desenvolvimento e poderá chegar em maio, segundo insiders.

Twitter deve levar monetização aos Spaces

Com o Twitter Spaces liberado, qualquer um com mais de 600 seguidores poderá ter uma experiência de áudio na plataforma, criando uma sala na qual alguns poderão falar, e outros apenas ouvir. A rede promete experiências de monetização para criadores de conteúdo, no futuro. Por exemplo, venda de ingressos para conversas VIPs. Essa é uma ideia que deve se somar ao futuro recurso de Super Follow, e até mesmo ao recém-descoberto desejo da plataforma em oferecer um sistema de gorjetas.

Vale lembrar, Discord, Telegram e até Instagram já foram atrás de soluções de chat de voz em tempo real. Estas novidades atendem ao desejo do público de interagir por novas formas, sem que precisem sair de ambientes digitais dos quais já estão extremamente acostumados e familiarizados.

Via The Verge

publicidade