Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Em testes desde março, a melhora no corte de imagens do Twitter é finalmente realidade. A rede social enfrentou polêmica no ano passado, depois que uma investigação dos próprios usuários viralizou, revelando que o algoritmo poderia priorizar pessoas brancas a negras na pré-visualização de mídia.

Com a nova ferramenta, porém, o intuito da plataforma oficialmente é o de oferecer imagens maiores e melhores, nas palavras do anúncio promovido pela conta oficial do passarinho azul. Mas fato é que, oferecer um preview mais largo, diminui as chances de objetos e detalhes importantes ficarem de fora da timeline dos usuários.

publicidade

A melhoria no corte de imagens está sendo liberada oficialmente para os apps de Android e iOS do Twitter, mas a rede não informou como. Ela pode estar permitindo que qualquer um com o software atualizado já tenha acesso a essa nova configuração, ou então estar distribuindo em fases, de forma remota que independe da ação do usuário.

Novidades já lançadas e futuras

Esta é uma novidade que chega pouco depois do lançamento do Twitter Spaces para todos aqueles com mais de 600 usuários. Outra mudança, essa ainda em testes, envolve a incorporação de vídeos do YouTube na plataforma. Outros planos da rede social envolvem ainda um sistema de comunidades e o Super Follow.

Com este novo modelo de visualização de imagens, talvez o usuário veja menos conteúdo por vez no feed. Hoje em dia, porém, não é difícil que novos smartphones cheguem ao mercado com telas de proporção 20:9 ou mais. O formato mais “esticado” na vertical valoriza a experiência de apps sociais, como o próprio Twitter, ao trazer mais informação por vez.

A nova visualização de imagens funciona quando o usuário publicar um único arquivo por tweet. A rede social permite até quatro por vez, mas aí o recorte será limitado como é comum hoje. Vale lembrar que a plataforma, para além da melhora no corte dos arquivos, também melhorou a qualidade na qual o upload pode ser realizado para até 4K. Esse recurso foi testado em beta, mas já está disponível para todos. Saiba como subir imagens nessa resolução.

Via Droid Life