Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Não muito popularizado por aqui pela baixa disponibilidade e preços elevados, lá fora o mercado de óculos de realidade virtual vem caminhando a passos consistentes. O Facebook é um dos maiores apostadores deste mercado, com a família Oculus. Saindo um pouco — não muito — das funções gamers do dispositivo, a companhia deseja integrar o periférico ao Apple Health.

É o que sugere um trecho de código do app Oculus VR para o iOS. Ele foi revelado pelo desenvolvedor Steve Moser — conhecido por antecipar funções de sistemas assim como faz Jane Manchun Wong quando o assunto é Twitter. O trabalho de engenharia reversa conseguiu trazer a tona essa curiosa possível futura parceria entre as empresas.

publicidade

Como está projetada nas entranhas do app até então, o Oculus conseguiria adicionar dados no Apple Health referentes a treinos feitos com o dispositivo, como números de calorias queimadas. Curiosamente os códigos também apontam a possibilidade do dispositivo de realidade virtual puxar dados do app de saúde do iPhone.

Dados do Apple Health no Oculus?
Oculus Quest e Quest 2

Oculus Quest e Quest 2

Esta última função seria bastante controversa: o Apple Health é responsável por compilar todas as informações de saúde do iPhone e Apple Watch, e tendo privacidade como um pilar dos seus serviços, seria fora da curva se Tim Cook permitisse a abertura destes dados a dispositivos terceiros como o Oculus. E quando falamos de Facebook, muitos lembram de ao menos um problema de privacidade envolvendo a empresa.

Além disso, vale lembrar que a Apple pode estar trabalhando, já há alguns anos, no seu próprio headset VR. Os poucos rumores sobre isso trazem preços nada amigáveis, como algo em torno dos US$ 3 mil (R$ 14.489 em conversão direta hoje, 27/07). O aparelho teria tela 8K e até mesmo um sistema de refrigeração para diminuir a fadiga do usuário. Se vier caro desta forma, o Oculus do Facebook não deverá entrar na ceara dos seus rivais, já que lá fora custa US$ 399 (R$ 2.065).

Via 9to5Mac

publicidade