Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Os smartphones com telas maiores, entre 6 e 7 polegadas, preferencialmente OLED, foram os mais produzidos pelas fabricantes e, consequentemente, os que mais venderam até agora em 2021. Os dados da consultoria UBI Research, divulgados nesta quinta-feira (15/07), apontaram que 97,5% dos celulares comercializados no ano se enquadram nessa categoria, contra 78% do número registrado há três anos, em 2018.

Os números compilados pela consultoria apontaram que, dos 122 modelos lançados entre janeiro e junho deste ano, 119 possuíam telas OLED e maiores de 6 polegadas. Uma das exceções foi o Asus Zenfone 8, que mede 5,9 polegadas. Os maiores da categoria, de acordo com o levantamento, são o Xiaomi Mi Mix Fold e o Huawei Mate X2, que foram fabricados com telas OLED de 8 polegadas.

publicidade

A pesquisa abordou outros pontos relacionados às telas OLED baseados fora do fato de elas serem maiores. De acordo com a consultoria, 64 modelos lançados, ou 52,5% do total, apresentam densidade de pixels entre 400 e 500 ppi. Na sequência, abaixo dos 400 ppi, foram relacionados 48 modelos. Os números indicaram que apenas o Sony Xperia 1 II superou a casa dos 500 ppi, com densidade de 643 ppi. Como foi lançado em 2020, no entanto, a presença do modelo no compilado acabou causando certa estranheza.

Imagem mostra que celulares de tela grande foram os que mais foram fabricados em 2021

Proporção de tela e câmeras de selfie

O levantamento da UBI Research apontou que a maioria dos modelos de celulares lançados em 2021, além de terem telas OLED e maiores do que 6 polegadas, também apresentam proporção tela-corpo entre 80 e 90% em sua esmagadora maioria: 88,5%. Os 11,5% restantes apresentaram proporção superior, sendo que nenhum foi lançado com menos de 80% nesse ponto em especial.

Imagem mostra que câmeras de selfie punch hole foram maioria nos celulares lançados em 2021

publicidade

O último quesito levantado pela pesquisa foi em relação às câmeras de selfie. Segundo os números divulgados, entre janeiro e junho foram lançados 103 modelos adotaram o chamado punch hole (furo circular), 13 penderam para o popular notch (forma de gota) e 6 colocaram a câmera na borda (bezel). Nenhuma câmera sob a tela foi citada na pesquisa, já que o Axon 20 5G foi lançado em 2020, e o Z Fold 3, que promete tal tecnologia, só chegará em agosto.

Via GSM Arena