Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A OnePlus confirmou sua nova política de atualizações junto ao seu portfólio de smartphones, onde os aparelhos mais no topo da escala receberam mais atenção. Em seu comunicado oficial, a fabricante citou a fusão com a Oppo, ocorrida no mês passado, como ponto chave para a decisão de expansão das atualizações. Além disso, está confirmada a unificação da base de código OxygenOS e ColorOS a partir do Android 12.

As séries OnePlus 8 e OnePlus 9, mais recentes flagships da marca (incluindo variantes terminadas em T ou R), receberão três anos de atualizações de sistema operacional e quatro anos de atualizações de segurança. Assim, temos neste grupo o OnePlus 9 Pro, o OnePlus 9R, o OnePlus 9 (que ilustra nossa imagem de destaque), o OnePlus 8T, o OnePlus 8 Pro e o OnePlus 8.

publicidade

Os atuais dispositivos Nord, Nord CE e a série OnePlus 7 têm suas atualizações de software limitadas a duas, com três anos de atualizações de segurança. Ou seja, há um ano a menos para cada tipo de atualização se comparado com o que foi definido para os flagships da lista acima. Ficam neste grupo o OnePlus 7 Pro, o OnePlus 7T Pro, o OnePlus 7T, o OnePlus 7, o OnePlus Nord CE e o OnePlus Nord.

Por fim, os celulares Nord intermediários OnePlus N200 5G, OnePlus N100 e OnePlus N10 5G ficam com apenas uma atualização de sistema operacional e três anos de atualizações de segurança. Aqui, houve um aumento importante de um ano de suporte aos patches de segurança para esses aparelhos, que antes contavam com apenas dois anos de correções de eventuais falhas de software e bugs. Ainda assim, essa única atualização de sistema operacional acabou sendo um balde de água fria para quem esperava mais da empresa de Pete Lau nesse sentido.

Apesar disso, com essas mudanças nas políticas de atualização das fabricantes chinesas (a Oppo prometeu três anos de atualização de software para seus flagships Find X3), as empresas estão se mostrando mais empenhadas em garantir segurança para seus clientes. Compromissos que podem ser semelhantes aos que marcas como Samsung e Google oferecem para seu público.

Via GSMArena

publicidade