Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Mais uma novidade para o WhatsApp: há rumores de que o app de mensagens mais criticado do momento está trabalhando em uma criptografia com senha para os backups no Google Drive. Ambos os recursos de proteção em nuvem estarão disponíveis para as versões de iOS e Android.

O informante WBetaInfo, conhecido por seus vazamentos confiáveis, mostrou em um tweet quatro prints do novo recurso em ação, dois em cada sistema operacional. As telas mostram também que a senha será utilizada para acessos futuros a backups em outros dispositivos. Ele informa ainda que os recursos de proteção serão completamente privados e não serão enviados pelo WhatsApp, nem para o Google Drive – aliás, não serão enviadas para ninguém. A tela mostra que a senha não terá recuperação.

publicidade

publicidade

Até então, a única forma de proteger o acesso aos seus dados era garantir que seu número não fosse clonado. Assim como o WhatsApp, o Google Drive já vinha trabalhando em um script de criptografia próprio, mas o recurso apenas impediria o acesso dos arquivos na nuvem. Um usuário que estivesse instalando e configurando o mensageiro num novo dispositivo teria acesso ao backup com um simples código via SMS.

Não há indícios de quando a nova função de proteção de imagens por senha entrará em funcionamento. Como se trata de um vazamento, é possível que o recurso passe por modificações até a sua versão oficial. Resta saber se isso será suficiente para evitar que os usuários descontentes deixem de migrar para a concorrência depois que a plataforma anunciou que manterá suas novas políticas de privacidade.

Via AndroidPolice

Imagem: Anton (Pexels)