Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Parece que em breve podemos ter uma mudança na fabricação da linha de chips Snapdragon. A Qualcomm pode trocar novamente de fábrica. A empresa terceirizava para a taiwanesa TSMC a produção do Snapdragon 855 de 7 nm, mas começou a usar novamente a Samsung Foundry (como era no passado), para a linha 855 de 5 nm. Em 2022, a TSMC deve voltar a ser responsável pelo Snapdragon de 4 nm.

De acordo com o Digitimes, o próximo Qualcomm Snapdragon, por enquanto batizado de 895, deve ser feito pela Samsung, assim como é atualmente com o 888. Mas, para seu Snapdragon principal de 2022, que usará tecnologia 4 nm, a Qualcomm deve retornar para a TSMC.

publicidade

Vale mencionar que a Qualcomm não fabrica os seus próprios processadores, trabalhando apenas no desenvolvimento, criação e design de seus Snapdragons. O processo de fabricação e distribuição é feito por empresas terceirizadas.

Existe um padrão ai, ao que tudo indica a Qualcomm acaba priorizando a Samsung para, incialmente os chips de 10 nm e atualmente os de 5 nm. Enquanto a TSMC fica a cargo dos de 7 nm e futuramente dos de 4 nm. Lembrando que a Samsung deve também ser a responsável pela produção do novo Snapdragon X65 e X62, mantendo o padrão que foi adotado no Snapdragon 888.

Novos chips

O presidente da taiwanesa, Dr. Mark Liu, também confirmou que a empresa está trabalhando em chips de 3 nm. Há alguns meses, surgiu a informação de que a Apple era a principal interessada na aquisição desses novos produtos, o que pode abrir caminho novamente para a Samsung caso a TSMC não dê conta da demanda de forncecer os equipamentos também para o Snapdragon Qualcomm.

A TSMC é a maior fabricante de chips do mundo e está investindo pesado para manter sua posição. Em 2020 estima-se que a companhia investiu US$ 17 bi em tecnologia, incluindo uma nova fábrica voltada exclusivamente para chips de 3 nm, que deve começar a funcionar em 2022.

publicidade

Antes disso, no entanto, a TSMC ainda precisa apresentar oficialmente seus processadores de 4 nm. Os modems 5G de 4nm da Samsung também não foram lançados oficialmente.

Via Digitimes

Imagem: Pok Rie (Pexels)