Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O anúncio do WhatsApp de que seus usuários teriam de compartilhar dados com o Facebook a partir do próximo dia 8 de fevereiro beneficiou diretamente aplicativos rivais de trocas de mensagem, como Signal e Telegram, que aumentaram significativamente o número de downloads desde a última quarta-feira (06/01), mostrando que, o que era uma tendência (a troca do WhatsApp por outros apps), pode se tornar algo definitivo. Nem mesmo a explicação posterior da empresa, de que a determinação seria aplicada somente a contas comerciais, parece ter surtido efeito.

Segundo reportagem publicada pelo Business Insider, os downloads do Signal aumentaram 4200% em relação à semana anterior ao anúncio da mudança na política de compartilhamento de dados do WhatsApp com o Facebook. O número de downloads do app chegou aos 7,5 milhões, mas foi ainda menor do que o do Telegram. O outro app rival do WhatsApp registrou um aumento de 91% nos downloads, alcançando 9 milhões na semana.

publicidade
Conselho de Elon Musk beneficiou empresa “xará” do aplicativo

Um fato curioso revelado pelo Business Insider foi que até mesmo uma empresa está pouco ligando se os downloads da Signal aumentaram, faturou alto por causa da confusão a “xará”, o WhatsApp e o Facebook. Tudo por conta de um post de Elon Musk, CEO da Tesla, em sua conta no Twitter, aconselhando seus milhões de seguidores a trocarem o WhatsApp pelo Signal, app de mensagens rival. “Use Signal”, recomendou o bilionário. Com a propaganda gratuita feita por Musk, os números do Signal dispararam.

publicidade

A Signal Advance viu suas ações explodirem na Bolsa de Valores, simplesmente por ter um nome parecido com a do app de mensagens rival do WhatsApp. Segundo a reportagem do Business Insider, os papéis pularam de US$ 0,60 (R$ 3,29) para US$ 70,85 (R$ 388,76) após o “conselho” do bilionário. A capitalização total da empresa aumentou 88%, saltando de US$ 6 milhões (R$ 32,9 milhões) para US$ 300 milhões (R$ 1,64 bilhões) em menos de uma semana. Nada mal para uma confusão, né?

Segundo a Business Insider, os downloads da Signal aumentaram, as ações da Signal Advance explodiram, mas nada disso é novidade quando há brigas de gigantes. Em março, no auge da pandemia da Covid-19, as ações da Zoom Technologies também dispararam, já que alguns investidores da Bolsa confundiram a empresa com a Zoom Video Communications. Essa última empresa explodiu em downloads por conta da adequação do mundo corporativo às reuniões online e ao home office.

Para quem quiser experimentar o Signal, rival do WhatsApp, ele está disponível para uso em browsers e para download em dispositivos Android e iOs.