Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A empresa de artigos esportivos Asics lançou uma plataforma para escanear a face dos usuários antes e depois de fazerem exercícios. A ideia do recurso é mostrar como as pessoas se sentem depois de treinarem. O programa faz parte de um estudo global sobre a relação entre a saúde mental e a atividade física.

Lançado nesta quarta-feira (2), mesma data do Dia da Corrida Global, que incentiva a prática do esporte, o site Asics Mind Uplifter vai examinar seu rosto para determinar seu estado emocional. A página pode ser acessada tanto de um celular quanto de um dispositivo desktop.

publicidade
Asics e o sistema para escanear sua face

Após o sistema da Asics escanear a face dos usuários, uma série de perguntas vão ser feitas. A ideia é entender o funcionamento do cérebro antes e depois de treinos de, pelo menos, 20 minutos. Lembrando que a página precisa ser acessada duas vezes, coincidindo com o começo e o término da atividade física.

O usuário ainda pode enviar os resultados para as redes sociais com a hashtag #UpliftingMinds caso queira. O sistema, inclusive, está disponível em português do Brasil, tornando as perguntas mais acessíveis.

Asics lança plataforma para escanear sua face antes e depois dos exercícios

Imagem: Asics

Apesar da Asics ser mais associada com corrida, o estudo acompanha 25 atividades físicas diferentes, que podem ser acessadas na plataforma. Seus dados contribuirão para um mapa interativo, onde você poderá ver o efeito do esporte em cidades, países e ao redor do mundo.

Caso esteja preocupado com o fato de plataforma escanear a face dos usuários, a Asics enviou um comunicado sobre o tema explicando o procedimento. “A Asics foi muito cuidadosa para garantir que os participantes não precisassem inserir nenhum dado pessoal para usar o Mind Uplifter. Embora a tecnologia de digitalização facial seja usada como parte da ferramenta, nenhuma filmagem ou captura de tela dos rostos dos participantes é salva e os participantes não são identificáveis ​​por não fornecerem quaisquer dados pessoais”, disse a empresa.

publicidade

Via TechRadar