Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A Oppo lançou oficialmente nesta quinta-feira (27/05) as três versões da série Reno 6. Foi cinco dias após a previsão do leaker Abhishek Yadav, que aqui replicamos. Mas com muitas configurações reveladas previamente pelo informante confirmadas. Entre elas, a que mais chamou a atenção foi a escolha por três processadores distintos para as diferentes variantes do novo flagship.

O modelo de entrada está equipado com o Dimensity 900, da MediaTek, enquanto o Reno 6 Pro tem o Dimensity 1200 sob o capô e o Pro+ sai de fábrica com o processador Qualcomm Snapdragon 870. Todos eles, no entanto, apresentam em comum a configuração de câmera tripla na parte traseira e o também já badalado carregamento rápido SuperVOOC 2.0, de 65W.

publicidade
Tela menor
Imagem mostra versão de entrada do Oppo Reno 6, que terá tela menor do que as Pro e Pro+

Divulgação

O Oppo Reno 6, modelo mais básico da linha apresentada hoje, tem a menor tela entre os três que compõem a série da fabricante chinesa. Ela é de 6,4 polegadas, AMOLED, com taxa de atualização de 90Hz e resolução FHD+, além da câmera de selfie de 32 megapixels alocada na parte superior esquerda.

As lentes traseiras chegam com um atirador principal bem interessante, de 64 megapixels, que é acompanhado por um ultrawide de 8 MP e um terceiro sensor, macro, de 2 megapixels. A bateria é de 4300 mAh, e o sistema operacional o Android 11, rodando sob a interface ColorOS 11.3. O preço estipulado para a Oppo pelo Reno 6 mais básico parte de 2.799 yuan (R$ 2300, na conversão direta) para a versão com 8 GB/128 GB. A mais completa, com 12 GB/256 GB, será disponibilizada a partir de 11 de junho por 3.199 yuan (R$ 2.629, na conversão direta).

Pro e Pro+
Imagem mostra mão segurando o Oppo Reno 6 Pro+

Divulgação

As duas variantes mais poderosas do Oppo Reno 6, chamadas de Pro e Pro+, se diferem pelo processador sob o capô e, também, pelas configurações das câmeras. Essas diferenças impactam, obviamente, no preço final de cada um dos membros da nova família do flagship da fabricante chinesa.

A variante Pro sai de fábrica com o já citado Dimensity 1200 e, no conjunto óptico, entrega ao consumidor uma lente principal de 64 megapixels, um ultra-wide de 8 MP e mais dois sensores, macro e de profundidade, de 2 megapixels cada. A tela é AMOLED, de 6,55 polegadas, e a taxa de atualização de 90Hz.

publicidade

A bateria do Pro é de 4500 mAh, com o mesmo carregamento rápido de 65W, e os preços colocados pela fabricante partem de 3.499 yuan (R$ 2.875) para a versão com 8 GB de RAM e 128 GB de armazenamento interno, saltando para 3.799 yuan (R$ 3.122) se a opção for pela variante com 12 GB de RAM e 256 GB de armazenamento interno.

Fechando a lista temos a versão mais completa do Oppo Reno 6, a Pro+. Ela carrega a mesma bateria, o mesmo carregamento e a mesma configuração de tela da anterior, mas tem o Snapdragon 870 como processador e, principalmente, um conjunto de câmeras bem mais avançado.

O top de linha da Oppo para a série Reno 6 tem o IMX 766 da Sony, de 50 megapixels, como atirador principal (o mesmo usado no Find X3 Pro), acompanhado de um ultra-wide de 16 MP, uma lente tele de 13 megapixels, com zoom óptico 2x, e um sensor de profundidade de 2 MP. O Pro+ custará, no mercado local, 3.999 yuan (R$ 3.286) para o modelo com 8 GB/128 GB, e 4.449 yuan (R$ 3.656) para a variante com 12 GB / 256 GB. As vendas deste modelo, e do Pro, estão programadas para começar no dia 5 de junho.

No mesmo evento, a empresa lançou os fones TWS Enco Free2 com cancelamento de ruídos.

Via GSM Arena