Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Durante muito tempo, o Instagram foi uma rede social sem muitas ferramentas nativas de monetizar conteúdo. No entanto, nos últimos anos, o Facebook passou a adicionar alguns novos modelos na plataforma e agora, o CEO da empresa, Mark Zuckerberg, falou sobre alguns desses projetos.

Em um bate-papo no Instagram Live com o CEO da rede social, Adam Mosseri, o criador do Facebook disse que está trabalhando em formas mais autenticas de ajudar os criadores a ganharem dinheiro. “Nossa visão é que, se ajudarmos os criadores a ganharem mais dinheiro com seu conteúdo, isso ajudará a uma economia de criadores mais ampla a emergir”, explicou.

publicidade

Novas ferramentas para monetizar no Instagram

O Instagram já possui há algum tempo uma forma de influenciadores e lojas anunciarem produtos em posts. No entanto, Zuckerberg falou que planeja criar uma loja dentro da rede social, sem que o usuário precise ir para um site externo. Isso, inclusive, já tinha sido sugerido anteriormente.

No bate papo, Mosseri falou sobre o Instagram criar ferramentas para monetizar perfis que estão em crescimento. “Acho que, historicamente, o Instagram tem se saído melhor ao criar valor para os criadores que já estão estabelecidos e não o fizemos tão bem com pessoas que estão tentando apenas começar”, disse. “Eu acho que é uma grande falta da nossa parte. Estamos tentando realmente girar em direção a isso”, completou.

Os comentários chegam pouco tempo após o Twitter, principal concorrente das plataformas do Facebook, anunciou o recurso de Super Follow, uma ferramenta de de monetizar a rede social e gerar pagamentos para os perfis de influencers e criadores de conteúdo.

Via CNET

publicidade

Imagem Suwaree Tangbovornpichet (iStock)