Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Um novo vazamento reforça que a Xiaomi pode lançar três novos tablets em breve. A informação, divulgada em um grupo de Telegram, descreve os aparelhos K81, K81A e K82 sob os codinomes Enuma, Elis e Nabu, respectivamente. Eles devem ser os sucessores do Mi Pad 4, lançado em 2018, naquilo que pode ser uma possível linha Mi Pad 5.

De acordo com o XiaomiUI Group, especializado em vazamentos da fabricante chinesa, os novos Xiaomi terão um set de câmeras traseiras quádruplo, sendo uma lente principal, uma ultra-wide, uma macro e uma de profundidade, as configurações exatas das lentes não foram divulgadas. Os tablets também terão suporte para carregamento sem fio, alto-falante quádruplo, NFC e telas de LCD com 120 Hz com resolução de 2.560 x 1.800.

publicidade

Os tablets K81 e K81A devem ser os topos de linha, com chipset baseado em um Snapdragon 870. A diferença estaria nas câmeras, com o K81 possuindo ao menos um dos sensores com 48 MP.

Já o modelo K82 se difere dos outros pelo processamento, provavelmente baseado em um Snapdragon 860. Apesar de abaixo dos outros modelos, o tablet Nabu ainda é superior ao Mi Pad 4 que conta com Snapdragon 660. O dispositivo deve servir para quem busca por um desempenho satisfatório para trabalho e entretenimento.

Informações divergem de outros vazamentos

O XiaomiUI Group é conhecido por geralmente acertar as suas previsões e vazamentos envolvendo a Xiaomi. Apesar disso, as informações divulgadas pelo grupo divergem de outros rumores publicados recentemente.

De acordo com uma publicação do Digital Chat Station no Weibo, principal rede social chinesa, a resolução de tela divulgada pelo grupo diverge de outro vazamento recente que mencionou o Mi Pad 5 com tela de 11 polegadas e taxa de atualização de 144 Hz, além de uma troca nos SoCs Snapdragon para a plataforma Dimensity, da MediaTek.

publicidade

Embora esteja há algum tempo sem lançá-los, ao retorno da Xiaomi o mundo dos tablets é aguardado desde o ano passado. Os dispositivos da linha Mi Pad estão entre os favoritos dos consumidores Android justamente por acompanharem as atualizações da MiUI para smartphones. Apesar disso, a empresa deixou de fabricar estes dispositivos em 2018 para focar estritamente na produção de smartphones. A estratégia deu certo e, hoje, a empresa está entre as principais marcas do mundo.

O retorno da empresa ao mercado de tablets também está relacionado com o crescimento da Samsung no segmento. Os próximos lançamentos da fabricante devem fazer frente a linha Galaxy Tab S7 e S7 Plus, cujas especificações são bem parecidas ao divulgado pela Xiaomi.

Via Android Authority