Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Além de dar uma ótima notícia aos usuários com a confirmação do Mi Mix 4, Lei Jun, CEO da Xiaomi, contou uma novidade por meio de um vídeo divulgado na página da empresa na rede social chinesa Weibo: a Xiaomi pode voltar a fabricar tablets.

A Xiaomi se tornou conhecida como campeã de vendas de smartphones com o Mi 10T Pro, o Mi Note 10, com tecnologia de ponta e preços atrativos. A empresa também investiu em celulares mais caros, como o Mi 11, que chega a custar R$ 5 mil na Europa. Os tablets devem seguir o mesmo caminho, com opções mais disponíveis e outras, mais caras.

publicidade

Para quem se lembra, a Xiaomi já fabricou tablets, como o Mi Pad 4 e o 4 Plus, mas decidiu abandonar a produção desse eletrônico em 2018 para focar nos smartphones. Com sistema operacional Android e baixo custo, os aparelhos fizeram grande sucesso e, por aqui, ainda podem ser encontrados à venda em diversos sites.

O anúncio do CEO não especificou se o retorno da produção de tablets pela Xiaomi será feita globalmente. Muitas vezes, a empresa costuma anunciar produtos que são comercializados exclusivamente no mercado chinês.

Boatos sobre um novo tablet Xiaomi

Em abril do ano passado, diversos boatos surgiram pela internet, indicando o lançamento de um novo tablet pela Xiaomi, o Redmi Pad 5G, nas versões preta e branca, vendidas com exclusividade na China.

O tablet, anunciado para 27 de abril, acabou não surgindo no mercado. Novos boatos anunciaram o lançamento para 21 de junho e, no fim, o aparelho não sendo lançado. Agora é aguardar para saber se os tablets da Xiaomi vão, de fato, retornar ao mercado como uma opção de custo acessível e boa tecnologia.

publicidade

Via Techradar