Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Em breve deveremos ver novos Pixel Buds, os fones TWS do Google apareceram em um registro da Comissão Federal de Comunicações dos Estados Unidos (FCC). Os dispositivos estão listados como Weifang Goertek Electronics, assim como a primeira geração dos acessórios da gigante das buscas.

A segunda geração, por sua vez, foi listada inteiramente como “Made by Google“, mas ainda sim, pela nomenclatura, é improvável que o registro se trate de outro produto. Além disso, os modelos “GPQY2” e “G7YPJ” estão listados justamente nas faixas de Bluetooth usadas pelos Google Pixel Buds do ano passado e o tipo de listagem também é exatamente o mesmo.

publicidade

Em termos de visual, é esperado que os novos Pixel Buds sejam semelhantes ao seu antecessor, já que as dimensões 27 x 20 x 15 mm são praticamente as mesmas da geração passada.

Novidades

Um dos problemas dos fones do Google lançados em 2020 era justamente a conexão, com usuários reclamando que os dispositivos sofriam com cortes no áudio e falta de sincronização. Na época, a empresa lançou atualizações para tentar corrigir os problemas, mas agora eles devem partir para uma solução mais definitiva na nova geração.

Apesar de usarem exatamente a mesma faixa de Mluetooth, os novos Pixel Buds possuem uma saída de energia muito maior, de 13,24mW e 19,82mW, contra 8mW e 16mW do ano passado, o que deve garantir muito mais estabilidade na conexão entre os aparelhos e o smartphone.

Além dos Pixel Buds principais, há expetativa de que o Google lance um fone TWS mais acessíveis, mas que mantenham a mesma faixa de Bluetooth de qualidade. Atualmente nem a Samsung e nem a Apple oferecem esse tipo de tecnologia por valores mais baixos.

publicidade

Geralmente os acessórios do Google são apresentados em outubro, mas este ano, pela data do registro na FCC, é esperado que eles sejam lançados no meio do ano, assim como ocorreu com os smartphones Pixel 3a e 4a. É provável então que os novos Pixel Buds sejam lançados junto com o Pixel 5a. Aqui no Brasil os acessórios nunca foram lançados de forma oficial.

Via 9To5Google