Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Resistência é uma categoria à parte em celulares, e uma da qual o iPhone não é parte. Mas Fatemeh Ghodsi deu a sorte de conseguir recuperar seu smartphone da Apple após ele passar seis meses embaixo da água em um lago na província de Colúmbia Britânica, no Canadá. Os responsáveis pelo resgate foram Clayton e Heather Helkenberg, o casal pratica mergulho e tem o costume de descer no fundo de lagos para encontrar possíveis objetos perdidos. Em uma dessas buscas eles acabaram localizando o celular.

O tempo entre a dona derrubar o aparelho na água e os mergulhadores recuperarem ele no lago foi tanto que a mulher inclusive já havia comprado outro smartphone, mas ainda não havia esquecido de seu iPhone perdido.

publicidade

“Eu estava em uma situação em que perdi o equilíbrio e deixei cair na água”, disse Ghodsi para a emissora CBC Canada. Após ter derrubado o aparelho, funcionários do parque onde fica a lagoa disseram que seria impossível recuperar o objeto perdido.

“Aflita e em prantos, voltamos para Vancouver sem esperança”, completou a mulher dizendo ainda que havia perdido fotos, contatos e vídeos, já que não tinha backup dos arquivos salvos em seu iPhone.

Acho que era pegadinha

O mergulhador disse que, após encontrar o celular, não esperava que ele ainda estivesse funcionando. “Eu o levei para casa, limpei a sujeira dele e ele ligou imediatamente, então foi incrível”. Ele descobriu o número da verdadeira dona do iPhone encontrado no lago após colocar o chip em outro aparelho.

publicidade

Inicialmente, Ghodsi achou se tratar de uma pegadinha, mas ficou feliz de ter recuperado seu smartphone. “Eu estava em choque completo, inicialmente. Foi como se um telefone zumbi voltasse para mim, porque eu já estava totalmente em paz com ele ter sumido”, disse.

A mulher também deu mais detalhes sobre o estado do aparelho. Segundo ela os únicos problemas encontrados estão no microfone, que não funciona mais, e no alto-falante, que emite um som estranho. O casal Helkenberg já é acostumado a encontrar objetos perdidos em lagos e devolve-los para seus donos. Eles não cobram nada pelo resgate. Na entrevista, os dois contaram que recuperaram 26 celulares, mais de 100 pares de óculos de sol e duas câmeras durante seus mergulhos em 2020.

Via CBC Canadá