Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Em poucos apps um modo de tela dividida poderia ser tão bem aproveitado como no Android Auto. Nos smartphones o recurso permite uma experiência mais multimídia, por exemplo, permitindo assistir uma live ao mesmo tempo em que se navega por redes sociais. Mas em carros, segundos e até minutos preciosos podem ser direcionados para a atenção ao trânsito se o motorista não precisar ficar alternando entre apps de GPS e o player de música.

Por isso, no mês passado o Google soltou um grande calendário de atualizações para muitos dos seus sistemas, incluindo o Android Auto, que enfim começou a receber o recurso de tela dividida. A novidade será compatível com telas de dispositivos widescreen (como todos celulares, mas nem todos displays automotivos). As que tem espaço para essa divisão.

publicidade

Tela do Android Auto com o modo de tela dividida entre os apps de GPS e o Spotify

Controversamente, a divisão não acontece em proporção 50:50, com cada aplicativo ocupando o mesmo espaço da tela dividida no Android Auto. A proporção está mais para algo 70:30, com um software principal no maior espaço — à esquerda — e um secundário à direita. Quando ativado se torna obrigatório trabalhar com multi-janela, não sendo possível preencher a tela toda com apenas um serviço. Além disso, o primeiro aplicativo abre sempre na porção maior do display, e o segundo na menor. Não é possível alternar a disposição das janelas. Se quiser inverter a ordem, é necessário fechá-los e abrir na ordem desejada…

Além do modo de tela dividida para o Android Auto, outros recursos serão implementados nas próximas semanas (ou meses): o Google promete pequenos jogos no sistema para divertir os motoristas e passageiros durante engarrafamentos, além da possibilidade de personalização do papel de parede. Cada vez mais uma realidade no mercado automobilístico, telas inteligentes vieram para ficar: a Ford, por exemplo, promete que a partir de 2023 todos seus veículos com conectividade utilizarão o sistema da empresa de Mountain View.

Via 9to5Google e Reddit

publicidade

Imagem: Talles Alves/Unsplash