AplicativosNotíciasFacebook terá aviso de fake news sobre mudanças climáticas

Paulo Amaral3 semanas atrás5 min

O Facebook anunciou nesta quinta-feira (18) que as publicações contendo notícias inverídicas – fake news – sobre mudanças climáticas agora serão acompanhadas por um aviso. Isso alertará os leitores sobre a procedência do conteúdo. Por enquanto, o rótulo não estará disponível globalmente, e aparecerá apenas em postagens realizadas dentro do Reino Unido.

Negacionismo climático não é apenas um mal em si, como parte das ideologias extremistas que estão pondo pressão sobre plataformas de comunicação. O procedimento do FB é similar ao adotado recentemente em relação à pandemia de Covid-19. Criticado por espalhar desinformação sobre o novo coronavírus e, posteriormente, sobre a vacina contra a Covid, o Facebook passou a colocar um aviso indicando ao leitor quais conteúdos eram verificados e, portanto, verdadeiros e confiáveis sobre o assunto (posteriormente, passou a remover os posts com fake news).

Ciência do Clima

O Facebook inaugurou, em setembro de 2020, no Reino Unido, França, Alemanha e Estados Unidos, o seu próprio Centro de Informações sobre Ciência do Clima. Mesmo assim, vinha recebendo críticas por não filtrar com exatidão posts contendo fake news sobre o assunto e permitindo que eles fossem compartilhados sem o devido aviso aos leitores com acesso ao importante conteúdo.

A senadora Elizabeth Warren, do estado de Massachusetts, nos Estados Unidos, foi uma das principais apoiadoras da campanha que agora teve início no Reino Unido, mas logo deve se expandir para os demais países. “O futuro do nosso planeta está em jogo, e não deve haver nenhuma empresa grande, poderosa e opaca demais para ser responsabilizada por seu papel na crise climática. O Facebook não é exceção”, disparou, em comunicado divulgado ainda no ano passado.

Em um e-mail enviado para o The Verge, o Facebook alegou que alguns conteúdos não estão sujeitos ao aviso sobre fake news, entre eles os de “opiniões claras” e os “discursos de políticos”. A empresa não informou especificamente quais critérios serão adotados para definir as postagens sobre mudanças climáticas que receberão ou não aviso de fake news no Reino Unido. “Continuamos aprendendo com outros rótulos informativos que aplicamos às postagens e postagens sobre Covid-19 durante a eleição nos Estados Unidos”, resumiu.

Via The Verge

Imagem: Joshua Miranda/Pexels/CC