Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A OnePlus surpreendeu as principais marcas de celulares do mundo, e foi a única que cresceu em vendas nos Estados Unidos no conturbado ano de 2020. Os dados foram divulgados pela consultoria Counterpoint, em seu mais novo relatório sobre o mercado de smartphones. De acordo com os números da Counterpoint, a OnePlus cresceu 163% em relação ao ano de 2019, bem à frente da Apple, segunda colocada, e que fechou 2020 com retração de 3%.

O relatório apontou que, embora tanto a Apple quanto a Samsung tenham registrado lucro no quarto trimestre do ano, suas vendas caíram no total, assim como as de Motorola, LG e Google, que também enfrentaram problemas com escassez de determinadas peças por conta da pandemia da Covid-19.

publicidade
Segredos do sucesso

Segundo os analistas da consultoria, boa parte do sucesso da OnePlus pode ser creditada à parceria da fabricante com a T-Mobile, iniciada com o lançamento do OnePlus 6T, ainda no fim de 2018. Apesar de também ter firmado contrato com a Verizon, a OnePlus cresceu mesmo com as vendas se solidificando pro meio da T-Mobile, e podem disparar ainda mais em 2021, com o lançamento de novos modelos acessíveis, como o N10 5G.

Gráfico mostra espantoso crescimento da OnePlus no comparativo com as principais rivais do mercado de celulares

Outro motivo apontado como fundamental para explicar o porquê a OnePlus cresceu tanto no mercado dos Estados Unidos em 2020 é justamente o preço dos celulares da fabricante. Segundo a Counterpoint, enquanto a Apple, com a linha iPhone 12, e a Samsung, com seus novos flagships dotados de tecnologia 5G, viram os clientes de produtos premium diminuírem, a OnePlus pegou a via oposta. Com o Nord N1 5G e outros futuros lançamentos, como o OnePlus 9 Pro, a empresa começou a chamar a atenção de uma gama de consumidores que, antes, não olhava para ela, mas agora, já considera ter um smartphone menos “badalado” em 2021.

Via Phone Arena

publicidade

Imagem: Karlis Dambrans/iStock