NotíciasExynos 2100 vence Snapdragon 888 em teste de bateria (e temperatura)

Ronnie Mancuzo4 semanas atrás4 min

A comparação era muito esperada por vários usuários que queriam tirar suas dúvidas quanto ao desempenho dos chips. Um teste que se mostrou bem rigoroso registrou que o SoC Exynos 2100, lançado no dia 12 de janeiro, tem um desempenho de bateria superior ao Snapdragon 888. Não foi diferente com relação à temperatura, já que o mesmo teste mostrou o processador da Samsung aquecendo menos que o da Qualcomm.

O Exynos, chip proprietário da Samsung, tem bem menos hype por trás que o Snapdragon. Houve inclusive reclamação de parte dos clientes da Samsung, que receberam seus aparelhos Galaxy S21 com a variante de processador Exynos e se sentiram prejudicados em relação aos que ganharam a versão Snapdragon.

O canal PBKReviews publicou no YouTube um vídeo com a realização do teste entre os processadores Exynos e Snapdragon, ambos atuando no S21 Ultra. Com um pouco mais de 4 minutos e meio de vídeo, a velocidade foi acelerada para cumprir com o parâmetro de 30 minutos de teste, é possível considerar que foi realmente uma experiência bastante interessante.

Com a carga de bateria em 100%, as configurações de brilho de tela dos dois aparelhos Galaxy S21, cada um com um processador diferente, estavam ajustadas no máximo. Além disso, foram desabilitadas as funções de suporte de brilho adaptativo e outras funcionalidades de economia de bateria dos dois smartphones.

Resultado de temperatura também melhor no Exynos 2100

Em meia hora de teste, a bateria do aparelho dotado do SoC Exynos 2100 registrou 89% de sua carga, com 40,3° C. O Galaxy S21 com Snapdragon finalizou com 86% de bateria a uma temperatura dois graus mais quente, com 42,7° C.

O teste não é exatamente uma garantia de superioridade do Exynos 2100 sobre o Snapdragon 888. Mas aponta uma boa diferença entre as gerações de processadores da Samsung, com o Exynos 990 se mostrando bem inferior. Em situação anterior, outro teste havia sido feito e também mostrou uma certa superioridade do processador da Samsung sobre o da Qualcomm em certos critérios. Isto é: quem comprou o S21 Exynos não está saindo no prejuízo (por esse lado).

Via Phandroid e SamMobile