Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

As novas atualizações de privacidade do WhatsApp geraram polêmica no mundo inteiro, e na Índia, onde o aplicativo já é parte do cotidiano das pessoas, não foi diferente. Agora, num anúncio de primeira página em vários jornais importantes do país, o Facebook se defendeu das acusações de que suas atualizações irão vazar conversas pessoais dos usuários do WhatsApp.

O título do anúncio é “o WhatsApp respeita e protege sua privacidade”. O texto tenta explicar melhor o que significa a atualização de privacidade. “O WhatsApp não pode ver suas mensagens privadas nem ouvir suas ligações: Toda mensagem, foto, vídeo, mensagem de voz e documentos que você manda para seus amigos, família e colegas de trabalho em chats individuais ou em grupo é protegida por criptografia de ponta-a-ponta.”

O que muda

A atualização vai facilitar a coleta de informações por empresas que usam o WhatsApp para se comunicar com o consumidor, um tipo de troca de mensagem que não passa por criptografia. As mudanças vão permitir que essas empresas direcionem anúncios para Facebook e Instagram.

publicidade

Com o anúncio, a companhia de Cupertino tenta se defender e esclarecer a confusão diante das atualizações de privacidade no WhatsApp, que agora vai compartilhar mais informações dos usuários com o Facebook. Anteriormente havia a opção de não compartilhar essas informações. Agora, quem não aceitar a atualização não poderá mais usar o app.

No caso da Índia, é difícil imaginar que, mesmo com toda a polêmica, os usuários do país vão mesmo deixar de usar o aplicativo. Vários memes circulando no Twitter indiano são sobre sair do WhatsApp para ter privacidade, mas não ter com quem conversar. Outros fizeram piada com funcionários do Facebook lendo as conversas pessoais dos usuários.

Quem realmente quiser trocar o WhatsApp por questões de privacidade pode partir para apps como Signal e Telegram. O Vida Celular tem uma matéria explicando detalhadamente as opções.

Via Fast Company

Foto de destaque: Naveed Ahmed / Unsplash