Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

O Twitter anunciou nesta quinta-feira (17/12) a chegada do Spaces – recurso que permite aos usuários criarem salas de bate-papo por áudio na plataforma. De acordo com a empresa, os testes serão oferecidos para um grupo seleto de usuários e, em breve, disponibilizado para todos. Recurso pode ser parecido com o Discord.

O Vida Celular já havia divulgado informações que o Twitter estaria trabalhando em uma solução para conversas de áudio em sua plataforma. De acordo com informações levantadas pelo desenvolvedor Alessandro Paluzzi, o Spaces seguiria os moldes do Discord na criação de salas de bate-papo e servidores temáticos aos usuários.

publicidade

A confirmação veio diretamente de uma conta dedicada para informações do novo recurso. Em publicação, o Twitter revelou que o Spaces é um projeto para explorar o lado intimista das conversas de voz, proporcionando novas experiências para os usuários.

publicidade

De acordo com a empresa, a ideia é que ao entrar em uma sala de bate-papos, o usuário se sinta acolhido e tenha a liberdade para participar de uma conversa da mesma maneira que se sentiria em um jantar entre amigos, por exemplo.

Além disto, a conta também divulgou o nome de alguns funcionários da empresa envolvidos no projeto, revelando que a equipe também estaria trabalhando em outras melhorias para as redes sociais, como reações similares aos gestos de mão, relatórios aprimorados sobre bloqueios e denúncias, além de uma nova forma de compartilhar tweets.

Combate ao ódio

As mudanças propostas pelo Twitter deixam clara a preocupação da empresa em tornar a sua rede em um ambiente mais amigável aos usuários. Nos últimos anos, a plataforma sofre com a instabilidade de uma comunidade que sofre cada vez mais com a toxicidade de alguns usuários.

A rede que ficou famosa por promover discussões saudáveis sobre entretenimento e ser um berço de memes e tendências na internet viu cada vez mais seus tópicos se fragmentarem em discussões políticas e discurso de ódio, mas tem tomado atitudes para reverter isso.

De qualquer forma, o Twitter espera que, com a chegada do Spaces, os usuários possam abordar temas e explorar assuntos dos Trending Topics em salas dedicadas exclusivamente aos seus seguidores, sentindo-se mais à vontade com a comunidade.

Neste aspecto, se aproximar dos recursos do Discord pode ser uma boa estratégia, tendo em vista que a plataforma é uma das que mais se destaca entre os usuários mais jovens, uma parcela em que o Twitter não oferece mais tanto apelo. As novidades também justificariam a compra da Squad, plataforma de videochamadas e compartilhamentos de tela, recentemente anunciada pelo Twitter.

Projeto ainda não foi liberado para todos

O Twitter é conhecido por aplicar e reverter mudanças rapidamente. Assim, dependendo da repercussão dos primeiros usuários, há possibilidade de que o Twitter Spaces seja cancelado antes de chegar ao grande público.

Para saber mais, é possível acompanhar os relatos do seu desenvolvimento seguindo o perfil do projeto na plataforma.

Crédito da foto: Andrea Piacquadio (Pexels)