Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

No Google, os controles de propaganda têm recebido alguns recursos novos ao longo do tempo, tanto para os anunciantes quanto para os usuários comuns. Em breve, o Google vai possibilitar aos usuários diminuir os anúncios de conteúdo sensível, ou seja, de bebidas alcoólicas e jogos de azar. A plataforma do YouTube vai ser a primeira a receber essa nova configuração nos EUA. A empresa já havia permitido que as pessoas ocultassem anúncios específicos e também restringia conteúdos com base na idade dos usuários e nas leis de cada país.

Os usuários agora, poderão escolher entre habilitar ou não a exibição massiva dessas propagandas de conteúdos sensíveis na página de Configurações de Anúncios, podendo mudar de ideia quando quiser. É importante ressaltar que isso não vai eliminar totalmente esses anúncios, mas sim reduzir a aparição deles. O próprio Google afirma que através disso, os usuários conseguem filtrar e diminuir esses tipos de anúncios, tendo mais autonomia e opções. Essa nova ferramenta de Ver Menos pode ser muito útil para pessoas que buscam superar tanto um vício em bebidas alcoólicas quanto um vício em jogar.

publicidade

Mas, vale lembrar que essas duas categorias são exibidas de forma separada, por exemplo, você pode diminuir anúncios de bebidas alcoólicas e deixar a exibição de anúncios de jogos de azar normal, isso vai de sua preferência.

A empresa ainda conclui que a ferramenta está sendo implementada nas Configurações de Anúnciosaos poucos, por enquanto somente os anúncios do YouTube nos EUA serão afetados. A previsão do Google é que a partir de 2021 essas opções também ficarão disponíveis globalmente no Google Ads e YouTube.

Via 9to5google e The Verge.

publicidade