Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O novo Snapdragon 888 terá modem de radiofrequência X60 5G de 3ª geração que garante mais qualidade nas conexões de internet sem fio. O anúncio foi feito com a divulgação do processador, nesta terça-feira (01/12) durante o evento Snapragon Tech Summit Digital, da Qualcomm.

Durante o evento, a fabricante surpreendeu a todos ao anunciar que o aparelho, até então conhecido como Snapdragon 875, na verdade se chamará 888. O modelo será o principal processador dos flagships Android lançados no primeiro semestre de 2021.

publicidade
De olho no rádio

De acordo com a Qualcomm, o Snapdragon 888 possuirá uma tecnologia aprimorada de conexão, graças ao já citado modem X60 compatível com as frequências mmWave e Sub-6, consideradas as mais seguras entre as utilizadas para redes 5G.

A mmWAVE e Sub-6 são as tecnologias de frequências de conexão. São elas que garantem a velocidade da transmissão de dados na tecnologia 5G. A mmWave é capaz de produzir ondas milimétricas com frequências extremamente altas, entre 24 e 60 GHz, que garantem maior velocidade nas conexões em um alcance menor dos dados.  Já as ondas Sub-6 apresentam maior estabilidade e menor velocidade de conexão.

Segundo a fabricante, a combinação entre as duas tecnologias garantirá aos dispositivos equipados com um Snapdragon 888 maior estabilidade para transmissões. Na prática, o modem X60 conseguirá alternar as bandas conforme a necessidade dos usuários, garantindo velocidade e estabilidade nas conexões.

Além disto, os celulares equipados com o Snapdragon 888 também terão vantagem em mercados onde ainda não há o 5G real, mas sim a tecnologia DSS (Dynamic Spectrum Sharing, “Compartilhamento Dinâmico de Espectro”) que otimiza a qualidade da banda para alcançar frequências próximas ao 5G.  Isto porque a tecnologia Sub-6 do modem X60 também possibilita conexões DSS.

publicidade

O 5G DSS é a tecnologia utilizada pelas principais operadoras para “adiantar” o 5G no Brasil.

mão segurando um chip snapdragon 888, da Qualcomm. Chip terá tecnologia com modem X60 5G

Novo Snapdragon 888 terá modem X60 5G. Chip foi divulgado pela Qualcomm nesta terça-feira (01/12). Divulgação: Qualcomm

De olho no desempenho

O Snapdragon 888 apresentou surpresas que vão além do modem X60, mas também impactam no desempenho dos aparelhos nos games.

Munido com a tecnologia Snapdragon Elite Gaming de terceira geração, o 888 será capaz de reproduzir jogos com taxas de até 144 quadros por segundo, além de possuir suporte de drivers de GPU atualizáveis. Aliados com a velocidade do modem X60, a fabricante garante os jogos da próxima geração de flagships terão a mesma qualidade de desktop e consoles. Potencialmente dando fim à pecha negativa de “joguinho de celular”.

Além disto, o Snapdragon 888 contará com processador de sinal de imagem (ISP) triplo capaz de processar até 2,7 gigapixels por segundo. Isto é, de acordo com a Qualcomm, aproximadamente 120 fotos com resolução de 12 MP.

A Qualcomm também aproveito upara demonstrar a 6ª geração da AI Engine – que utilizará uma nova versão de processador Hexagon com capacidade para processar 26 trilhões de operações por segundo (TOPS), otimizando o desempenho dos aparelhos. Além disto, os processadores também contarão com a tecnologia Sensing Hub de segunda geração, que servirá para a otimização da IA de baixo consumo.

A Qualcomm  também aproveitou o evento para divulgar as primeiras empresas que utilizarão o Snapdragon 888. De acordo com a fabricante, a Xiaomi lançará o Mi 11 com o novo chip. Outro dispositivo que também já havia sido confirmado com o chip era o Ace 3, da Realme.

Além dela, outras empresas como a Sony, OnePlus, Asus, LG, Motorola e Oppo também confirmaram que utilizarão o chip em aparelhos futuros.

Via Olhar Digital.