Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Os produtos Google Nest, linha formada por dispositivos inteligentes voltados para casa conectada, estão recebendo cinco anos de atualizações de software após o lançamento, superando e muito os smartphones Pixel. Essas atualizações se tratam de novos patches de segurança e correção de bugs nos aparelhos do ecossistema lançados a partir de 2019 (e não a partir do ano em que a pessoa comprou o produto). Além disso, outras novidades em privacidade e segurança foram anunciadas em um post oficial.

Google Nest Audio

publicidade

Um dos núcleos dessas mudanças está na nova Central de Segurança do Nest, onde a empresa oferece um guia para as pessoas que usam contas do Google e possuem produtos Google Nest, Google Home, Google Wi-Fi ou Chromecast. Neste ambiente, é possível encontrar informações sobre como o Google usa provedores de serviços, como a empresa pode compartilhar informações não pessoalmente identificáveis ​​e como e quando ela pode armazenar e compartilhar dados dos usuários por motivos legais.

Padrões de segurança e validação

Junto ao anúncio das atualizações, o Google Nest informou que usará padrões de segurança de terceiros reconhecidos pelo setor, como os desenvolvidos pela Internet of Secure Things Alliance (ioXt). Além disso, a empresa está incluindo o ecossistema Nest no programa do Google de recompensa por vulnerabilidade, que oferece recompensas em dinheiro para pesquisadores de segurança fora do Google testarem os produtos e informarem sobre riscos de falhas, bugs e problemas de segurança.

tela de celular com conta Google informando sobre produtos Nest

Divulgação/Google

Outro ponto a respeito da proteção da conta Google do usuário são as ferramentas e proteções automáticas, como detecção de atividades suspeitas, verificação de segurança e verificação em duas etapas. A empresa reforçou que usa inicialização verificada buscando ajudar na garantia de que ninguém tenha acesso à conta ou ao controle dos dispositivos Nest do usuário sem sua permissão.

A pessoa também terá uma visão sobre todos os aparelhos em que ela está conectada, como câmeras, microfones e sensores ambientais ou de atividade que detectam informações da casa conectada. Eles serão exibidos na página de atividade da conta Google, com informações de estado e hardware, estando ligados ou não.

publicidade

Via SlashGear