Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Verdade seja dita, as empresas não gostaram do novo sistema de privacidade para anúncios da Apple, visto que publicidade é o caminho mais fácil para obter lucro sem fazer cobranças diretas do usuário. O Facebook foi um dos primeiros a reclamar, mas não o único. A rede social chega a exibir um pop-up informando que a possibilidade de personalizar ads é o que mantém seus serviços “gratuitos”. E agora o Twitter é a mais nova plataforma a incentivar seus usuários a irem contra a nova política anti-rastreamento do iOS.

Dados, porém, revelam que a adesão a essa novidade do iOS 14.5 vem sendo massiva. O microblog, desde a versão 8.65, vem exibindo uma janela solicitando que o usuário ative a personalização para o Twitter, mas sem o mesmo tom da plataforma rival: aqui, a rede social explica como o rastreamento torna os anúncios mais relevantes, destacando que a personalização poderá ser desativada a qualquer momento.

publicidade

Captura de tela do sistema de rastreamento do iOS dentro do Twitter

O usuário que aceita a recomendação é redirecionado para o menu de privacidade do iOS, no qual o Twitter está configurado por padrão para desativar o rastreamento. Em um switch é possível, então, ativar a personalização, que autoriza o app a usar dados de histórico e buscas para filtrar publicidade relevante.

Vale destacar que o impedimento de acesso a esses dados — para muitos, sensíveis — não impede o uso completo da rede social, que finalmente lançou o Spaces para todos seus usuários e expandiu a visualização de imagens na linha do tempo. O Facebook e Instagram também não bloqueiam nenhum tipo de acesso, vez que discriminar o uso das plataformas entre quem aceita e quem não aceita o rastreamento pode gerar sanções duras por parte da App Store.

Via 9to5Mac

publicidade

Imagem: Marten Bjork/Unsplash/CC