Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A Vivo Global, fabricante de smartphones chinesa, homônima da companhia telefônica que atua no Brasil, está preparando um novo celular, que chegará em breve ao mercado. E ele será equipado com o também recém-lançado processador Dimensity 900, da MediaTek, sob o capô. Pelo menos foi isso o que os leakers descobriram na plataforma de testes Geekbench, nesta sexta-feira (14/05).

Registrado sob o código V2123A na plataforma de testes, o novo e misterioso celular que está sendo trabalhado pela Vivo teria, além do Dimensity 900, já preparado para a tecnologia 5G, 8 GB de RAM, mas também poderia oferecer outras versões quando, efetivamente, tiver seu lançamento oficial. O sistema operacional foi outra informação confirmada no Geekbench, e será o Android 11.

publicidade
Mais mistério

Mistério é realmente a melhor palavra para definir o projeto do novo celular que a Vivo lançará no mercado, já que não há muito mais o que falar sobre o futuro smartphone. Pela pontuação alcançada no Geekbench, no entanto (3467 no single-score e 8852 no multi-score), ele será mais poderoso que o V21 SE, que também está em vias de chegar ao mercado e, recentemente, somou 553 e 1697 pontos quando submetido aos mesmos testes da plataforma. Esse celular está sendo preparado para chegar com o Snapdragon 72oG, da Qualcomm.

O desempenho do Dimensity 900, da MediaTek, como mostram os números, aparentemente é superior do que o da fabricante rival. Ele é um chipset de 6nm, octa-core, que possui dois núcleos Cortex-A78, que funcionam a 2,4 GHz, e seis núcleos Cortex-A55, com velocidade de clock de 2GHz. O processador do novo e misterioso celular da Vivo também será equipado com GPU Mali G68 MC4, e oferecerá suporte para armazenamento LPDDR5 e UFS 3.1. Outros recursos suportados do chip incluem 5G, Wi-Fi 6 e unidade de processamento AI.

Via Playfuldroid

Imagem: Chenspeck/Pixabay/CC

publicidade