Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O Google nem bem deu um passo na direção do fim dos cookies e parece que a adesão ao recurso está longe de ser tranquila. Os navegadores Brave, Vivaldi e DuckDuckGo avisaram que não vão adotar o FLoC, se manifestando contra a nova tecnologia. O motivo? A coleta de dados de navegação é mais intrusiva do que o anterior.

Os FLoCs (Federated Learning of Cohorts, ou Aprendizado Federado de Coortes, em tradução livre) são as novas mecânicas de coleta de dados de navegação do Google. Na teoria, as coortes acompanhariam os interesses dos usuários de maneira mais privada, reunindo os dados das sessões em grupos, ao invés de indivíduos – que é o caso dos cookies.

publicidade
FLoC pode promover falsa noção de privacidade, diz Brave

Cada um dos três navegadores publicou suas críticas ao novo padrão de dados de navegação. O Brave, por exemplo, apontou ser contra adotar o FLoC pelo recurso promover uma falsa noção de privacidade. Na crítica, eles apontaram também que o novo recurso dá mais informações aos sites sobre o seu histórico de navegação. Por fim, o navegador sem censura removeu a tecnologia em sua última atualização para desktop e mobile.

o Vivaldi afirmou que o FLoC não funcionará com eles por mexer em mecânicas escondidas indisponíveis no navegador, e que não tem planos de adotar o novo padrão. Eles apontam ainda que o motivo do Google ser tão incisivo na substituição é porque os browsers estão bloqueando cada vez mais os cookies de terceiros.

“Entrar em uma loja na qual já sabem tudo sobre você”

Assim como o Brave e o Vivaldi, o DuckDuckGo também afirmou que não irá adotar o padrão FLoC. O navegador definiu a experiência das coortes como a de entrar numa loja e os vendedores já saberem tudo sobre você. O enquadramento do usuário num grupo também não levaria a uma navegação com mais privacidade. “(…) ao combinar com seu endereço IP (que também é enviado automaticamente para os sites) você pode continuar a ser rastreado facilmente como indivíduo.”

Via XDA Developers

publicidade

Imagem: PhotoMIX (Pexels)