Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O LinkedIn é uma rede social de empregos, voltada para contatos profissionais, ainda sim, a popularidade da plataforma fez com que ela ganhasse seus próprios “creators” e a Microsoft está aproveitando isso. A gigante, dona da rede, anunciou no final do mês passado um modo especial para criadores de conteúdo.

O formato dos “creators” no LinkedIn é o mesmo já adotado em outras plataformas para influenciadores. Ao mudar para o modo “creators”, o usuário deixa de ter conexões e passa a ter seguidores. Além disso, o que fica em destaque nesses perfis são as atividades e publicações do criador, e não mais seu histórico profissional, como em contas comuns.

publicidade

modo creators funcionando no linkedin

Com o modo “creators”, a Microsoft também anunciou o Cover Story para o LinkedIn. A função permite o usuário gravar um pequeno vídeo de apresentação para adicionar na plataforma. A duração do vídeo é parecida com um Story do Instagram, com direito até mesmo uma linha na parte de cima mostrando o tempo de reprodução. Apesar disso, existe uma grande diferença, o conteúdo não some em 24 horas e será reproduzido de forma automática na sua capa para quem entrar no seu perfil.

Modo para criadores

De acordo com a companhia, essa adição chega após uma pesquisa revelar que, nos Estados Unidos, quase 80% dos contratadores afirmarem que um vídeo de apresentação é útil na hora de selecionar um candidato para uma vaga de emprego. Além disso, o LinkedIn destaca que a Cover Story também pode ser usada para freelancers apresentarem seus serviços.

E parece que a Microsoft gostou de personalizar as capas com vídeos, já que no modo “creators” do LinkedIn, quando um usuário fizer uma live, recurso que já existe há algum tempo, a transmissão ao vivo aparece na capa do perfil da pessoa enquanto acontece. Segundo o anúncio, a ideia é “ajuda a aumentar a visibilidade do seu conteúdo”.

publicidade

O foco da Microsoft nos “creators” parece ir além do LinkedIn. A empresa também anunciou algumas atualizações do Windows 10 com o mesmo nome. A Xbox Live também deve receber um recurso com a mesma nomenclatura. Isso ainda acontece no mesmo momento em que informações sugerem que a gigante está interessada em comprar o TikTok, o Pinterest e o Discord.

De acordo com a Microsoft, os novos recursos para “creators” do LinkedIn devem começar a chegar no mundo todo a partir desta semana, mas um cronograma específico não foi lançado.