Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

O Facebook lançou nesta segunda-feira (14/12) o aplicativo Collab, que permite a grupos musicais gravarem vídeos caseiros de forma remota sem problemas de sincronização. O app está disponível para iOS e é uma espécie de cruzamento entre TikTok e GarageBand: vídeos bem curtos, mas com foco na criação musical.

A versão beta do Collab está no ar desde maio, mas só para quem tinha convite. Emulando uma sessão de gravação, o formato consiste em vídeos de 15 segundos em três planos sobrepostos para compor um trecho musical. Por exemplo, um guitarrista, um pianista e uma cantora tocando uma mesma canção ou um mesmo tema melódico de forma sincronizada.

publicidade

Os usuários na plataforma podem optar por uma colaboração tocando com outro músico ou, caso sejam leigos, deslizando um dos três planos no vídeo para obter uma combinação diferente. De acordo com o Facebook, a ideia é que o usuário “se sinta como se estivesse tocando com uma banda no conforto do seu quarto”.

Facebook x TikTok

Dá para dizer que o Collab foi lançado pelo Facebook como uma nova arma na caça ao TikTok, que tem movimentado não só a rede social da empresa, mas também o Instagram. Outro dia, o CEO do Instagram chegou a dizer que o TikTok era seu maior concorrente na história.

Entre as várias coincidências entre o app americano e o app chinês, há o foco em uma estética ligada a vídeos curtos com apelo musical. Neste sentido, o Collab mira parte do mercado já conquistado pela ByteDance, prometendo também um apuro técnico na empreitada – a possibilidade de músicos publicarem pequenas “jams” virtuais e, consequentemente, atrair público.

Também como no TikTok, o usuário pode navegar pelo Collab e descobrir novos músicos ou artistas, caso queira se isentar do trabalho criativo. Entre os usuários do aplicativo já existentes, há tanto artistas quanto entusiastas.

publicidade

Por enquanto, o Collab está disponível apenas nos Estados Unidos, e o FB ainda não informou quando o aplicativo estará disponível para outros países. Você pode conhecer um pouco mais do aplicativo na página oficial da empresa.

Via 9 to 5 Mac.