Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A Xiaomi se tornou a fabricante número 1 de smartphone do mundo em junho, apontou um relatório da empresa de pesquisas Counterpoint. A empresa chinesa superou concorrentes como a Samsung e a Apple para assumir o primeiro lugar em vendas globais. Os números consideram as vendas mensais de smartphones para lojistas.

De acordo com o relatório, após figurar como a segunda maior fabricante de celulares e assumir a liderança de vendas de smartphones no mercado europeu, a Xiaomi tomou a liderança do mercado com 17,1% das vendas ao redor do mundo em junho, deixando os 15,7% da Samsung e os 14,3% da Apple para trás. Com a marca, a número 1 em smartphones também se torna a empresa chinesa que cresceu mais rápido em participação de mercado global na história.

publicidade
Queda da Huawei e falta de peças contribuíram para crescimento

Os dados da Counterpoint consideram o banimento dos smartphones da Huawei nos Estados Unidos, bem como a crise no fornecimento de chips para a Samsung e Apple como fatores que contribuíram para a ascensão da Xiaomi no mercado de celulares.

Crescimento ameaçado

Apesar da vitória, o título de número 1 pode ser ameaçado a qualquer momento. Tradicionalmente, o segundo semestre é marcado pelo crescimento de vendas dos dispositivos da Samsung e da Apple, muitas vezes motivado pela chegada de novos produtos da linha iPhone e Galaxy, bem como o período de festas de fim de ano. A Samsung, por exemplo, se prepara para lançar os dobráveis Z Fold 3 e Z Flip 3 na próxima semana, enquanto o iPhone 13 deve chegar ao mercado em setembro de 2021.

Já a Xiaomi trabalha em uma nova linha de tablets enquanto finaliza a produção do Mi Mix 4, e pode realizar o lançamento dos novos produtos em pouco tempo. Na próxima semana, para ser mais específico. O aniversário da empresa será na próxima terça-feira (10/08) e, para comemorar os 10 anos de vida, a fabricante chinesa deve, enfim, mostrar ao mundo a nova geração de tablets Mi Pad, além do mais novo flagship da marca. Lei Jun, CEO da Xiaomi, postou uma espécie de save the date (reserve a data) no Weibo, e aguçou a curiosidade sobre o que está preparando.

Via Slash Gear

publicidade

Imagem: Testing/Shutterstock