Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

O programa de fomento ao primeiro emprego Jovem Cidadão está com inscrições liberadas. É possível realizar inscrições diretamente nas secretarias escolares, mas o preenchimento do cadastro é mais prático via internet — principalmente durante a pandemia.

Criado pelo Governo do Estado de São Paulo, o programa de emprego Jovem Cidadão visa atingir os estudantes do ensino médio que se encontram no segundo semestre do segundo ano letivo, ou primeiro semestre do último ano escolar. Neste momento, ele é focado exclusivamente em estudantes da região metropolitana, com idades entre 16 e 21 anos.

publicidade

Com o celular na mão, o interessado pode acessar o site do programa e iniciar o cadastro. É necessário ter alguns documentos em mãos, como identificação civil. Tão logo o cadastro no programa Jovem Cidadão é realizado, começa a vigorar um prazo de 15 dias úteis para a verificação dos dados. É necessário que o estudante entre em contato com o programa para verificar o andamento desta etapa. Tão logo tudo seja confirmado, o aluno passa a ter seu nome disponibilizado em um banco de empregos de empresas parceiras do programa. A convocação se dará a partir das opções de interesse preenchidas durante o cadastro.

Alterações não podem ser feitas via celular

A remuneração se dá na forma de bolsa-estágio, e mudanças cadastrais devem ser realizadas pela secretaria escolar onde o interessado estuda. Aqueles que não possuem acesso à internet podem preencher o formulário do programa Jovem Cidadão diretamente na escola em que se encontram matriculados.

Vale lembrar, existe uma série de apps e plataformas que podem te ajudar a conseguir uma vaga, mas o Facebook pode ser problemático neste sentido. Uma área em franca expansão é a de tecnologia, voltada para desenvolvimento de sistemas, aplicativos e jogos. Aprender um segundo idioma pode ser outro diferencial interessante para colocar no currículo.

Imagem: alexas_fotos/Pixabay/CC

publicidade