Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A versão Beta do Android 12, detalhada durante o Google I/O, estará presente no Realme GT, flagship da marca, até o fim do mês de maio, a princípio apenas para os usuários que moram na China. A informação foi confirmada pela própria marca, na noite de terça-feira (18/05), em tom de comemoração, lembrando que foi a Realme uma das primeiras a também implementar o Android 11 quando o sistema operacional foi lançado.

“No ano passado, o Realme X50 Pro foi um dos primeiros dispositivos a oferecer suporte ao Android 11 Beta 1. A Realme trabalhou de maneira colaborativa com o Google para reunir feedback de seus desenvolvedores em sua interface UI 2.0 baseada no Android 11 Beta 1. A marca continuará seu programa de Android 12 Preview para desenvolvedores, para que possa ouvir os comentários dos usuários antes de lançar o novo realme UI 3.0, ainda este ano”.

publicidade

O GT, flagship escolhido pela Realme para ser o primeiro da marca a receber o Android 12 em sua versão Beta, não foi selecionado por acaso. Ele também é pioneiro da fabricante a trabalhar com o processador Snapdragon 888, da Qualcomm, sob o capô. Além disso, conta com sistema de resfriamento de nova geração, tela super AMOLED de 6,43 polegadas, com taxa de atualização de 120Hz, carregamento SuperDart de 65W e bateria de 4500 mAh.

Imagem confirma chegada do Android 12 Beta 1 ao Realme GT em maio

Divulgação/Realme

Novidades do Android 12

Os usuários do Realme GT terão acesso em primeira mão às muitas novidades anunciadas para o Android 12. Entre elas está o recurso de pastas protegidas, que o sistema deverá oferecer ao usuário no Google Fotos. Além disso, o Android 12 tem um sistema de privacidade chamado Private Compute Core que está integrado ao sistema operacional e permite o gerenciamento de dados de aprendizado de máquina com mais segurança.

Imagem mostra especificações do Realme GT com Android 12

Divulgação/Realme

Outra novidade é o repaginado painel de privacidade, que centraliza todas as suas autorizações e permite que você revogue as permissões de apps rapidamente, se for preciso. Seguindo o exemplo da Apple, você agora sabe se algum app está usando seu microfone ou câmera com um aviso visual no topo da tela. Tudo isso estará, segundo a Realme, presente para os usuários do GT até o próximo dia 31.

 

publicidade