Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O Facebook e seus produtos são financiados por anúncios. Então, acharam bom o conceito de ampliar a experiência com lives interativas, nas quais você poderá ser persuadido a levar um perfume ou maquiagem novos. Essa é a ideia por trás do Facebook Live Shopping Fridays, uma série de eventos ao vivo que acontecerão até julho, e em momentos específicos: as sextas-feiras.

A ideia do serviço de Mark Zuckerberg não parece vir à toa já que seus produtos precisam lidar com a atual dificuldade de rastrear o comportamento de usuários no iOS para mostrar publicidade assertiva. Para agradar anunciantes ou não, fato é que Abercrombie & Fitch, Dolce Vita, Sephora, ZOX e outras marcas foram convidadas para testar o recurso inédito na plataforma, que mescla uma espécie de canal de vendas ao vivo com interatividade para os interessados simplesmente ficarem a um clique de distância da compra.

publicidade
Para os Estados Unidos

Segundo o Facebook, a novidade vai permitir que os usuários descubram novidades e perguntem, em tempo real, características, tirem dúvidas, e se sintam atendidos antes de “fechar negócio”. O Facebook Live Shopping Fridays, como o nome sugere, acontece às vésperas do final de semana, com possibilidade de compra se você estiver nos Estados Unidos ou possuir um endereço por lá. Os eventos serão divididos em três categorias: achados da moda, auto-cuidado, e upgrades. Todas entre 28/05 e 16/07.

Para os compradores, isso significa que você pode descobrir os produtos mais recentes de suas marcas favoritas e fazer perguntas sobre tamanho, ajuste e dicas em tempo real. E para as marcas, o Live Shopping oferece a oportunidade de construir relacionamentos com os clientes, fornecer novos conteúdos divertidos, responder a perguntas e agilizar o processo de compra por meio de check-out conveniente no Shops.

Vale lembrar, Facebook e Instagram vêm pedindo que os usuários permitam a personalização de ads nos iPhones e iPads desde o iOS 14.5. Os produtos de Zuckerberg avisam que esta é uma forma de manter as plataformas gratuitas. O Twitter começou a exibir pop-ups também, e parece que Tim Cook não está minimamente disposto a recuar quanto a esta implementação.

Via 9to5Mac

publicidade