Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Depois de colocar um smartwatch baratinho no mercado, a Wyze volta para anunciar o Buds Pro. Se trata de um fone TWS que aposta em preço competitivo para chamar atenção em um mercado extremamente disputado.

O Wyze Buds Pro tem um visual discreto, e aposta em formato de hastes esticadas para facilitar o abrigo do hardware. Esse espaço acaba sendo aproveitado também para a inclusão de três microfones, em cada plugue, que funcionam para gravações, chamadas, e cancelando de ruídos. Funcionando de forma ativa, a empresa promete capacidade de 40 dB para driblar a comunicação externa.

publicidade

O driver de som, por sua vez, tem 10 mm e segundo a empresa pode fornecer agudos e graves cristalinos. Para o usuário aproveitar isso, o Wyze Buds Pro dura 4h30 minutos longe da case de recarga, quando o ANC está ligado. Com ele desligado, a autonomia pode alcançar 6h. Como a capinha fornece dois ciclos completos, ele chega a ter autonomia de 18h antes de pedir tomada.

O reabastecimento, inclusive, pode se dar de forma wireless, portanto que o usuário já tenha um carregador Qi compatível. Como a maioria dos fones TWS do mercado de formato intra-auricular, o Wyze Buds Pro acompanha três encaixes de silicone, para ajustes personalizado no ouvido do consumidor.

Alexa bult-in e suporte para outros assistentes

Como extra, o periférico traz Alexa embutida para o usuário já acostumado com a assistente digital da Amazon. No Android não chega a ser necessário instalar o app próprio da ferramenta, apenas no iOS. Além disso, o fone pode se comunicar com o Google Assistente e a Siri. Mostrando que também tem recursos de inteligência próprios, o Wyze Buds Pro pausa a reprodução de conteúdos quando detecta que não está mais no canal auditivo.

publicidade

Quem olha para ele pode não enxergar novidade nenhuma para o mercado de fones TWS, mas o apelo do Wyze Buds Pro está no seu preço de US$ 60 (R$ 313 em conversão direta hoje, 11/05). Nessa faixa ele se torna atrativo para o consumidor que se guia fortemente pelo preço e costuma olhar para acessórios chineses. Ele custa US$ 100 a menos que um AirPods, e US$ 140 a menos que o Galaxy Buds Pro (lá fora). O dispositivo será lançado em algum momento de julho, mas a pré-venda já começou nos Estados Unidos.

Via PH Android