Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Os usuários do Google Pay que moram nos Estados Unidos já podem utilizar a nova funcionalidade da ferramenta de pagamentos, que disponibiliza a opção de enviar dinheiro para o exterior. No momento, os envios só podem ser feitos para dois países, mas isso será muito ampliado em breve. Os EUA são o primeiro país a ter acesso ao recurso, que em breve deve ser estendido a outros lugares do mundo.

De acordo com a publicação na página oficial do Google, a integração do Google Pay com o Western Union e com o Wise possibilitou a liberação dessas transferências internacionais de valores, mas, por enquanto, com destinos também limitados. Apenas usuários que morem em Cingapura ou na Índia poderão receber dinheiro enviado a partir dos Estados Unidos, mas essa restrição é só no lançamento do serviço.

publicidade

Esse cenário restrito, no entanto, tem um prazo previsto para mudar. “Até o final do ano, esperamos que os usuários do Google Pay nos EUA possam enviar dinheiro para pessoas em mais de 200 países e territórios por meio da Western Union e para mais de 80 países por meio da Wise”, informou o Google.

Envio de dinheiro ao exterior é feito em poucos passos

Apesar de o recurso ainda não estar disponível para usuários que não morem nos Estados Unidos, sempre é bom já aprender como fazer para enviar dinheiro ao exterior por meio do Google Pay, caso você precise utilizar o recurso quando ele estiver liberado por aqui. E, de acordo com as instruções postadas pela empresa, o método é bastante simples.

Imagem mostra como funcionará o novo recurso do Google Pay para mandar dinheiro ao exterior

O primeiro passo é selecionar, em sua agenda de contatos, o usuário que mora no exterior e que receberá o dinheiro via Google Pay. Feito isso, você precisa clicar em “pagar” e, na sequência, selecionar o parceiro para a transferência (hoje são Wise e Western Union, que também funcionam por aqui, e podem ter a companhia das tradicionais bandeiras de cartão de crédito, como Visa, Mastercard e Cielo). As etapas seguintes são intuitivas e, de acordo com o Google, “seguras e confiáveis”.

publicidade

Dados de uma pesquisa recente da Mastercard mostraram que esse é um segmento em alta e que deve permanecer em crescimento global. Segundo o relatório, todos os anos pessoas enviam algo em torno de US$ 700 bilhões para amigos e parentes que moram em países diferentes, sendo que 73% fazem uso dessa metodologia de maneira recorrente. Mais um ponto para acreditar que o recurso do Google Pay de enviar dinheiro para o exterior, hoje restrito a transações entre Estados Unidos, Índia e Cingapura, em breve deve se expandir.