Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A chegada da versão 2.21.10.6 do WhatsApp apresenta os primeiros testes do recurso multi-dispositivo. O recurso, que permite o acesso da mesma conta em mais de um smartphone, é um desejo antigo dos usuários e está nos planos do Facebook há algum tempo. 

De acordo com o portal especializado em WhatsApp, WABetainfo, a atualização mais recente da versão de testes do aplicativo permite aos usuários o login em mais de um smartphone, sincronizando conversas, mensagens favoritas, grupos, etc.

publicidade

Apesar da sincronia, o relato dos usuários que tiveram acessos aos testes é de que a exclusão de uma mensagem em um dispositivo não a removerá automaticamente do outro, ao menos que você a exclua para todos os destinatários.

Diferentemente de concorrentes como o Telegram, a versão atual do WhatsApp não permite que os usuários acessem a mesma conta diversos aparelhos. Ao logá-la em um dispositivo, o usuário é informado de que o dispositivo anterior será automaticamente desativado.

Este é um problema para aqueles que gostam de utilizar mais de um aparelho, ou costuma sincronizar seus mensageiros em dispositivos auxiliares, como tablets, por exemplo.

Não há previsão para a chegada do novo recurso para dispositivos Android e iOS.

publicidade
Whatsapp tem os primeiros testes de recurso multi dispositivo divulgados. Reprodução WABetaInfo

Reprodução: WABetaInfo

Conexão com o Instagram

O WABetainfo ainda sugere que a mudança teria um interesse maior por parte do Facebook, que é o de sincronizar o WhatsApp aos serviços de mensagens da rede social e do Instagram. Esta teoria aumenta os indícios de que o Facebook pode em breve criar um único ecossistema para todas as suas propriedades intelectuais.

A medida também justifica o fato de que, no Brasil, o Facebook modificará os termos de uso do WhatsApp para permitir o compartilhamento de dados dos usuários para outras plataformas da empresa, bem como aplicativos e desenvolvedores de terceiros que sejam parceiros da rede social. A mudança tem sido duramente criticada por usuários e autoridades de fiscalização dos dados.

Via Android Police

Imagem: BanarTABS/iStock