Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A principal novidade do Realme GT, apresentado na MWC Xangai 2021, e com lançamento confirmado para o próximo dia 4 de março, será a disponibilidade de duas opções diferentes de chipset para que o usuário escolha o que melhor o agrada: o Snapdragon 888, top de linha da Qualcomm, confirmadíssimo, ou um chipset da MediaTek, possivelmente o Dimensity 1200. “Duas plataformas, dois flagships”, sintetizou a marca, em comunicado via assessoria de imprensa.

Independentemente da opção de processador escolhida, o foco estabelecido pela Realme para o GT parece bem claro. “De olho no segmento intermediário a premium, a Realme passa a adotar tanto os processadores Qualcomm Snapdragon Serie 8 quanto a série Dimensity da MediaTek para os celulares flagship 5G com seus dois novos lançamentos – com foco em performance e imagem, respectivamente – pensados para os jovens usuários”, afirmam.

publicidade

Entre as especificações já vazadas, mas que provavelmente só serão oficializadas no lançamento, estão a tela AMOLED, com taxa de atualização de 120Hz (uma versão Pro, de 160Hz, também estaria sendo desenvolvida), conjunto óptico composto por três lentes, sendo a principal de 64 megapixels, duas versões de RAM (8 a 12) e armazenamento interno mínimo de 128 GB, além, claro, do carregamento rápido UltraDART, que fará a bateria ter carga total em menos de 15 minutos

Traseira de couro

Realme GT chegará dia 4 de março ao Brasil com duas opções de chipset e variante com traseira em couro

Uma das novidades, além da presença de duas opções de chipset no Realme GT, será uma versão renovada, com traseira de couro sintético – chamada de Realme GT Vegan Leather. “É o primeiro aparelho com revestimento de couro ecológico em dois tons, que usa dois materiais em cores diferentes para dar a sensação de velocidade, que combina com a alta performance do produto”, explicou a fabricante.

Segundo a Realme, para alcançar o visual diferente, a inspiração foi, claro, uma pista de corrida, a mesma inspiração usada para o nome GT (Gran Turismo). “A Realme foi pioneira na moldagem conjunta da parte traseira e moldura interna do aparelho, o que faz com que o couro ecológico se ajuste perfeitamente à faixa preta dianteira, que remete a uma pista de corrida”, concluiu a empresa, em seu comunicado.

publicidade

O Realme GT, agora com duas opções de chipset para o usuário escolher, não teve os preços divulgados, mas será lançado globalmente, inclusive para o mercado do Brasil. A empresa desembarcou por aqui há pouco tempo, no fim do ano passado, e esse é, ao menos por enquanto, o modelo de smartphone mais poderoso da marca a ser confirmado para o território verde-amarelo.

Via Sparrows News