Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O recurso chamado Pessoas Próximas do Telegram pode revelar a localização de usuários do aplicativo. A funcionalidade foi lançada em 2019, e ganhou uma nova versão no ano passado. O Telegram é considerado por muitos uma das ferramentas de comunicação que mais oferecem privacidade. Entretanto, deixar que outros indivíduos saibam o local em que um usuário está não parece ser algo que fortaleça essa posição.

Alguns problemas já são recorrentes para aqueles que utilizam o Telegram e participam de grupos diversos existentes na plataforma. Há uma quantidade significativa de golpes sendo aplicados em usuários mais desatentos. Muitos desses são relacionados a propostas de negócios com Bitcoin.

publicidade
Grupos do Telegram e Pessoas Próximas

Não raro, alguém que você não conhece aparece nas suas notificações, puxando assunto. Quando você entra no contato desse desconhecido, repara que ele está em um mesmo grupo do qual você participa com centenas de outras pessoas. Com o detalhe de que o número telefônico do desconhecido, assim como da grande maioria dos demais, não está disponível.

A possibilidade de estranhos saberem a localização exata de outras pessoas com as quais eles podem se conectar virtualmente é mais uma situação que podemos tratar como falha do aplicativo.

O procedimento envolve usar um app como o Fake GPS (ou então fazer o caminho a pé ou de carro) para simular sua localização em um raio de 11 km a partir do usuário que a pessoa quer localizar. Depois é só usar o Google Earth Pro para entrar as três coordenadas to enter e traçar círculos ao redor dela. Assim, é possível saber a localização exata de qualquer um que tenha optado por compartilhá-la com o recurso do Telegram.

Posicionamento do Telegram e o que o usuário pode fazer

O Telegram considera que revelar a localização dos usuários não é prejudicial para quem utiliza a plataforma. Se considerarmos que nem todos estão constantemente atentos para esses tipos de falhas e brechas de segurança, o posicionamento do aplicativo pode ser considerado questionável. De qualquer forma, para que o usuário não fique tão desprotegido, algumas ações de segurança podem ser tomadas.

publicidade

Para conferir se você não está compartilhando sua localização pelo Telegram, é só entrar no app e clicar em Pessoas Próximas. Caso o Telegram solicite a ativação de acesso à sua localização, ela não está sendo compartilhada.

telas com a função Pessoas Próximas do Telegram

Ao clicar em Pessoas Próximas, haverá uma lista de usuários que estão visíveis na plataforma e que se localizam nas proximidades. O padrão é o usuário não estar visível numa primeira interação. Se você quiser compartilhar sua localização (o que não é recomendável), o Telegram vai perguntar se é para Mostrar o Seu Perfil. Se você já estiver visível, há um link em vermelho com os dizeres: Parar de Me Mostrar. Então, clique nele.

ação de ficar visível e parar de mostrar seu perfil

Via Android Police