Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Após uma atualização no mês de outubro que trouxe uma lista de novidades para o aplicativo que vem crescendo em número de usuários, o Telegram acabou de lançar mais uma atualização e, desta vez, o destaque é a possibilidade de criar chats de voz em grupo.

O novo recurso, que também está disponível para desktop em versão adaptada, permite que o administrador de um grupo no Telegram possa liberar uma sala de conversas por voz. Diferente de uma chamada, esse modelo de chat funciona de forma mais livre, permitindo que o usuário permaneça na conversa enquanto visualiza suas mensagens ou, até mesmo, utilize outros aplicativos. Bem similar aos canais de voz do Discord.

publicidade

Ao permitir essa opção, uma nova aba surge no app mostrando o total de membros do grupo e quantos estão participando do chat junto de um botão para ingressar na conversa de voz. Além disso, também surge um pop-up com atalho para controle do microfone do smartphone para o usuário ligar ou desligar, opção de viva-voz e o botão de sair da conversa. A versão para Android oferece também um widget flutuante que permite acesso rápido aos atalhos a qualquer momento.

Por enquanto, a nova ferramenta está focada em permitir conversas por voz, mas o Telegram anunciou que pretende incrementar o recurso. A próxima atualização pode trazer vídeo e compartilhamento de tela para os chats.

Melhorias nos stickers e emojis

Junto dessa novidade, a empresa também trouxe melhorias nos stickers e emojis animados, novas animações para o Android e a possibilidade de pedir que a Siri leia suas mensagens no iOS. Os usuários do Android podem editar uma foto para adicionar efeitos ou stickers, algo que já era possível no iOS. Enquanto isso, os usuários de iPhone podem tocar no botão da caneta para editarem e enviarem a foto de volta. Esses dois recursos já estavam disponíveis em uma das plataformas, mas agora estão nas duas.

Via The Verge

publicidade