Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A amplitude de ferramentas oferecidas pelo Google, e o próprio tamanho da empresa, cria uma expectativa de que serão constantes as atualizações de seus apps. Na realidade, porém, faz quase um mês que seus produtos não são atualizados para os usuários do iOS.

Por enquanto, a única e principal suspeita acerca do motivo é a nova política de privacidade da App Store, em vigor desde o dia 8 de dezembro de 2020. Aliás, essa data é significativa e indica que a ausência de atualizações pode mesmo ser motivada pela mudança na App Store, já que a última atualização dos apps do Google, no iOS, ocorreu no dia anterior à efetivação das novas regras de privacidade.

publicidade

As atualizações dos apps do Google no Android são outro fator que indicam essa motivação por parte da empresa, principalmente por conta das datas, que vão muito além do dia 8 de dezembro. O Gmail, por exemplo, recebeu uma atualização no dia 16 de dezembro, enquanto o YouTube foi atualizado no dia 21.

O que mudou na App Store?

Basicamente, com a mudança da política de privacidade, a App Store começou a exigir que novos apps e atualizações viessem com informações a respeito dos dados que pretendem utilizar dos usuários. A partir disso, todo app na loja da Apple ganhou uma aba nomeada “privacidade”, para que os usuários saibam quais de seus dados seriam utilizados — exceto, claro, os apps do Google.

Aba Privacidade do Gmail na App Store

Pode ser que o Google tenha feito isso para evitar uma repercussão negativa do público, como aconteceu com o Facebook, que por muito tempo antes de divulgar como funciona a coleta de dados de seus apps atacou a Apple e as novas regras da App Store.

publicidade

É possível, então, que assim como foi com o Facebook, o Google atualize seus apps em algum momento vindouro. Afinal, embora seja uma gigante da tecnologia, a empresa depende de usuários para sobreviver, o que significa que não poderá levar as ameaças da Apple em tom de brincadeira. O problema agora é saber quanto tempo vai demorar para que isso aconteça.

Via Fast Company

Foto: Adrianna Calvo / Pexels / CC