Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Primeiro smartphone da Xiaomi (e provavelmente do mundo) a ser confirmado com o Snapdragon 888, o Mi 11, que tem lançamento previsto para o dia 29/12, tem novas informações vazadas sobre sua aparência e configurações à medida em que a data de oficialização se aproxima. Nesta segunda (21/12), foi a vez de a tela do aparelho e o posicionamento da câmera de selfie voltarem à tona, com vazamentos “quentinhos”.

Segundo publicado na rede social Weibo, e replicado pelo site MyDrivers, o vidro temperado sugere que o Xiaomi Mi 11 deixará alguns dos fãs da marca decepcionados em relação ao posicionamento da câmera de selfie. Antes especulado para ficar “escondido” sob a tela, o furo que abrigará a câmera vazou em uma imagem do vidro temperado que protegerá o smartphone. E está localizado no canto superior esquerdo do telefone, em posição similar, mas do lado oposto, ao escolhido pela Xiaomi para o Mi 10 e Mi 10 Pro.

publicidade
Vidro protetor confirma
Imagem vazada da capa de vidro do Xiaomi Mi 11 mostra que display terá furo para câmera de selfie e será curvo

Imagem: My Drivers

A outra novidade confirmada por meio da imagem do vidro protetor de tela mostrou que o flagship realmente será lançado com display curvo. Ou, pelo menos, foi isso que ficou indicado pelo clique vazado e postado na Weibo. A tela, no entanto, não será extremamente curva, como você já ficou sabendo aqui mesmo no Vida Celular.

O chamado “efeito cascata”, ou “waterfall”, a curvatura extrema quase até a traseira, tão espetacular quanto controversa, não deve fazer parte do Mi 11. O que deixará o flagship da marca chinesa com um visual mais convencional, com bordas ligeiramente curvas e um canto cortado para a câmera de selfie. A esperada tecnologia de câmera escondida sob a tela – visível somente quando for utilizada para selfies – segue prevista para ser produzida em massa em 2021, mas, a princípio, o Xiaomi Mi 11 não usufruirá desse avanço.

Os demais rumores sobre as especificações do Mi 11 seguem a todo vapor. Segundo o GizBot publicou nesta segunda, ele chegará ao mercado antes da virada do ano com 8 GB de RAM, taxa de atualização de 120Hz e carregamento rápido de 55W. O conjunto óptico será equipado com três câmeras na parte traseira – a principal com 108 megapixels de resolução, uma ultrawide de 13 megapixels e outra macro de 5 megapixels.

Há ainda uma variante superior do Xiaomi Mi 11 sendo preparada que apresentará ao mercado uma tela AMOLED de 2K da Samsung, suporte para carregamento ultrarrápido de 120W, presente também no Mi 10 Ultra, e câmeras traseiras que podem chegar a até 200 megapixels de resolução. Já imaginou a qualidade das fotos que dá para fazer com essa máquina? Por hoje (pelo menos por enquanto), são essas as últimas informações vazadas sobre o flagship da Xiaomi. E aí: contando os dias para o lançamento? A contagem regressiva começou…

publicidade

Via MySmartPrice