Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O início do ano de 2021 promete ser muito agitado para o mercado mundial de smartphones. E isso não fica exclusivamente por conta do lançamento do Galaxy S21. Outros dispositivos importantes devem ser lançados nos primeiros meses do ano que vem e, possivelmente, todos com carregamento rápido de 100W.

A nova plataforma Snapdragon 875 da Qualcomm, sucessora da Snapdragon 865, deverá estar inserida entre os componentes de aparelhos que estarão no topo da linha dos dispositivos tecnológicos do momento. A tecnologia com núcleo Cortex-X1 da empresa americana é uma das maiores novidades no avanço dos processadores. Todos os fabricantes de smartphones e outros dispositivos querem implementar melhorias nesse sentido em seus mais avançados produtos. A possibilidade do Galaxy S21 ser um dos que terão o Snapdragon 875 é enorme. O OnePlus 9 Pro e o Mi 11 Pro, da Xiaomi, são outros nomes aparentemente cotados para o grupo. Com isso, a disponibilidade de carregadores de 100W tende a aumentar cada vez mais pelo mundo.

publicidade

Não basta simplesmente criar um carregador mais potentes. Há riscos na adoção da tecnologia, razão porque os iPhones continuam a carregar com meros 20W. Um deles é superaquecimento, o que pode vir com destruição catastrófica da bateria.

Entraves burocráticos

Alguns procedimentos legais relacionados a licenças de uso, documentação e propriedade intelectual da tecnologia Qualcomm exigem tempo para liberação e normalização. São critérios importantes que muitas vezes se mostram complicados e delicados, envolvendo trabalhos jurídicos intensos que não podem falhar para nenhuma das partes interessadas. Ainda assim, a Samsung geralmente consegue ter prioridade para negociação e assinatura de contratos para essa área de componentes dos seus aparelhos. Vantagem bem importante, que justifica em muito a empresa se manter como uma das grandes líderes no mercado.

O Snapdragon 875 promete aumentar bastante a eficiência do cache e da largura de banda da memória. O novo núcleo Cortex-X1 também segue nas estimativas como sendo elemento de 23% de melhoria no desempenho, quando comparado com o Cortex-A78. E claro, outra atratividade dos celulares equipados com ele é o carregamento muito rápido de 100W, um dos grandes interesses do mundo dos smartphones para o ano que vem.

Via: Android Headlines.

publicidade