Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

A Samsung pediu o registro de patente para um celular com câmera móvel que vem com abertura variável. O modelo permite expandir a área de enquadramento da lente e possibilita a entrada de mais luz na câmera, o que melhora as fotografias quando há pouca luminosidade. O pedido da patente, feito em outubro de 2020 pela divisão eletromecânica da Samsung, se tornou público na última quinta-feira (5/8). O documento foi registrado no Escritório de Marcas e Patentes dos Estados Unidos.

A descrição da patente mostra um celular com um conjunto de três câmeras dispostas em uma configuração padrão, instaladas atrás do dispositivo. Quando se movem, as câmeras formam um triângulo: o sensor principal fica no meio e se movimenta para abaixo da posição original, e a ultra-wide e a telefoto ficam, respectivamente, à esquerda e à direita da lente central. Como os sensores têm dois orifícios, cada um com uma abertura diferente, pressupõe-se, em teoria, que a abertura muda de acordo com a posição de câmera escolhida pelo usuário.

publicidade
Câmera móvel da Samsung com abertura variável

Como funcionaria o módulo de câmeras com abertura variável no modelo hipotético da Samsung (LetsGoDigital/Reprodução)

Sistema traz desvantagens de peso para o smartphone

Vale lembrar que, apesar do ganho na qualidade fotográfica, há fatores que podem atrapalhar o desenvolvimento de um telefone com câmera móvel, como o hardware necessário para acionar o sistema e a infinidade de peças de conexão no conjunto de lentes — ambos, por exemplo, contribuem para deixar o celular mais pesado.  Tirando a patente, a Samsung também já experimentou com câmeras de abertura variável no passado, como nos casos do Galaxy Note 8, de 2017, e do Galaxy S10+, de 2019. O Galaxy A80 também vem com um sistema de câmeras flip.

A solicitação pode ser um indicativo de como será um novo smartphone da Samsung. No entanto, a empresa não comenta sobre lançamentos até que o produto esteja pronto para entrar no mercado. Também vale observar que o fato de uma empresa registrar uma patente, não significa que o produto será mesmo lançado.

Via Android Authority e LetsGoDigital

Imagem: Vlasov Yevhenyii/Shutterstock

publicidade