Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Às vezes a tela do celular pode rachar e o usuário pode estar muito ocupado para mandar para o conserto, e continua usando o aparelho mesmo assim. Mas usar um celular com a tela rachada pode trazer riscos tanto para a durabilidade do aparelho como para o próprio usuário.

Mesmo que o dano pareça pequeno inicialmente, com a pressão constante que o celular sofre dentro de uma bolsa ou bolso, a trinca na tela pode se espalhar rapidamente. Fora essa pressão, outros objetos como chaves e moedas podem danificar ainda mais a tela. Com a proteção hermética comprometida, as partes metálicas internas do aparelho ficam expostas à poeira, umidade do ar e ao suor das mãos. Com o tempo, esses fatores causam corrosão interna, o que vai atrapalhando toda a funcionalidade do smartphone.

publicidade

Inicialmente, mesmo com a tela rachada a função touch screen continua funcionando, mas com a exposição aos elementos, usar o touch screen vai ficando mais difícil rapidamente. Não há como saber quanto tempo a tela continuará funcionando nessas condições. Uma tela rachada que você deixa de consertar hoje, pode significar ter o aparelho totalmente bloqueado numa situação importante de trabalho, ou até numa emergência, no dia seguinte.

Possíveis riscos de saúde

Fora os problemas para o aparelho em si, continuar usando um celular com a tela rachada pode trazer riscos de saúde para o usuário. Segundo uma pesquisa de 2016, um usuário médio tocava seu celular 2.617 vezes por dia, com “usuários extremos” tocando seus aparelhos mais de 5.400 vezes por dia. Com a pandemia, é plausível supor que o número de vezes que as pessoas tocam seus celulares só aumentou. Uma tela rachada vai soltar poeira de vidro e até pequenos cacos, então são mais de 2 mil vezes por dia em que o usuário corre risco de sofrer pequenos cortes, tanto nos dedos como no rosto. Também é uma possibilidade que o usuário coce os olhos com os dedos contendo poeira de vidro.

Navegar pela internet em um celular com a tela rachada também pode causar cansaço visual, já que as rachaduras atrapalham a leitura do que está no aparelho. Para quem usa o celular como GPS enquanto dirige, uma tela rachada pode significar perder uma saída na estrada, ou até risco de acidente enquanto o usuário tenta decifrar o caminho por uma tela muito comprometida.

Para evitar pequenas frustrações até grandes dores de cabeça, o conselho é consertar uma tela de celular rachada o mais rápido possível.

publicidade

Imagem: energepic.com / Pexels