Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O nome do recurso é Snore & Noise Detect e com ele o Fitbit será equipado com um sensor de ronco. Com a função ativada, o microfone vai ser ligado durante a noite para captar sons que forem emitidos por quem estiver dormindo, e podendo ouvir o resultado ao final.

Pode soar engraçado, mas um app como o Fitbit trazer um sensor de ronco é um salva-vidas para muitas pessoas que enfrentam problemas como apneia ou sono de baixa qualidade. Além de gravar, o serviço deve exibir as informações em um gráfico, com uma escala para dizer se o barulho no quarto durante a noite é muito silencioso e se é muito alto. Isso deve ser medido através de um sensor de pressão acústica presente no microfone dos aparelhos da linha.

publicidade

O aparelho, no entanto, não deve ser capaz de diferenciar de quem é o ronco, por tanto se tiverem duas pessoas que roncam no mesmo quarto, a função da Fitbit pode ser um pouco frustrante já que os dados de monitoramento não vão ficar separados. Com o microfone ligado durante a noite toda para o sensor de ronco, a bateria do Fitbit deve durar menos. Há uma recomendação da empresa para que o usuário deixe com pelo menos 40% de carga antes de adormecer. Além disso, é provável que seja necessário conectar o aparelho na tomada após acordar. Ainda não há uma data para quando o Snore & Noise Detect será disponibilizado.

Lembrando que a Fitbit foi comprada pelo Google em 2019, mas o processo foi aprovado apenas no ano passado. A expectativa é que alguns recursos da marca sejam implementados no app Google Fit. Ainda não se sabe se isso ocorrerá com o sensor de ronco.

Via 9To5Google

Imagem: fizkes (iStock)

publicidade