Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O Google Camera, app que vem por padrão em dispositivos Pixel (e que pode ser instalado em qualquer Android) permite tirar fotos de longa exposição com o celular. Esse recurso permite tirar fotos com efeitos como de noite estrelada e rastros de luz deixados pelos faróis dos carros em uma rua movimentada, entre outros. Mas para isso o usuário precisa habilitar o modo manual nas configurações da câmera.

Deslizando o menu de modo de fotos logo acima do botão para clicar a foto, há a opção Câmera Manual. Disso, quatro opções aparecem no canto direito: WB (balanço de branco), Focus, EV, ISO (sensibilidade do sensor à luz) e S (velocidade do obturador). Para fazer fotos de longa exposição, as últimas duas opções são as que importam.

publicidade

O número para a sensibilidade do sensor ISO deve ser o menor possível para que as fotos de longa exposição não saiam estouradas em branco ou sem detalhes no celular. Para fotos do tipo, o recomendado é um ISO entre 50 e 100 (na câmera do Android, o menor ISO disponível é 100). Já a velocidade do obturador S determina quanto tempo o sensor vai ficar aberto para luz e quanto tempo você terá para registrar a passagem de carros ou de uma lanterna, por exemplo.

Abaixo você tem algumas das fotos que podem ser feitos com a longa exposição do modo Câmera Manual para celular Android. Vale apontar que para ter fotos mais nítidas é bom usar um tripé.

Longa exposição para fazer fotos de desenhos com luz no celular

Como fazer fotos de longa exposição no celular

Em um ambiente com pouca luz e com o obturador aberto por alguns segundos é possível desenhar figuras. escrever palavras usando uma lanterna ou luzes coloridas. Para esse efeito, é bom experimentar com os números do ISO para ter uma foto apenas com o desenho ou com a pessoa que está desenhando aparecendo ao fundo.

publicidade

Longa exposição para fazer fotos de aparição fantasmagórica

Para conseguir um efeito como de um fantasma ou uma pessoa transparente em uma foto de longa exposição, é bom testar os menores números de ISO. Aí a pessoa que você está fotografando tem que ficar parada pelos primeiros segundos do obturador aberto, depois se mover rapidamente para fora do enquadramento. Um bom espaço de tempo para experimentar é um timer de 5 segundos, com a pessoa se movendo depois de três segundos.

Longa exposição para fazer fotos de estrelas

Com o celular num tripé, você aponta a câmera para uma noite clara, com o menor ISO disponível e uma velocidade de obturador de 20 a 30 segundos. Mesmo num lugar com muita poluição luminosa como São Paulo, com uma foto de longa exposição é possível capturar mais estrelas do que o que você consegue ver a olho nu.

Para quem não tem o modo manual na câmera do seu celular, há alguns aplicativos gratuitos e pagos para tentar fazer fotos de longa exposição, como Manual Camera Lite e Manual Camera Pro. Mas vale deixar o aviso: alguns fornecedores impedem aplicativos de terceiros de usar todas as câmeras de seus celulares Android, que ficam de uso exclusivo para os apps de foto do próprio dispositivo. Isso impede que todas as funções prometidas pelo app realmente funcionem, mesmo com um aplicativo pago. É melhor baixar um app gratuito e testar se você tem acesso às configurações necessárias para fazer uma foto de longa exposição.

As fotos de longa exposição acima foram feitas com o celular Android LG Velvet, no qual o app Google Camera já vem instalado, e com o modo Câmera Manual ativado.