Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Nós do Vida Celular e nossos parceiros utilizamos cookies, localStorage e outras tecnologias semelhantes para personalizar conteúdo, anúncios, recursos de mídia social, análise de tráfego e melhorar sua experiência neste site, de acordo com nossos Termos de Uso e Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

O Google lançou uma nova ferramenta capaz de traduzir imagens de objetos, sem a necessidade de texto, para idiomas que correm risco de extinção. O novo recurso recebeu o nome de Woolaroo e utiliza machine learning e inteligência artificial (IA) para reconhecer as imagens em quadro. Por enquanto, a função está disponível apenas em inglês, francês e espanhol.

Adicionado ao app Arts & Culture, do Google, o Woolaroo é uma ferramenta de código aberto que visa preservar idiomas à beira da extinção que são fruto da herança cultural de uma comunidade. O recurso foi desenvolvido em parceria com o Yugambeh Museum, instituição responsável pela preservação da língua Yugambeh, falada pela população aborígene no leste da Austrália.

publicidade

“Dada a importância da língua aborígene para a cultura australiana, somos incentivados a registrar não apenas as palavras conhecidas, mas novas palavras utilizadas pelos membros da comunidade, conforme o mundo evolui”, diz Rory O’Connor, diretor da instituição, em publicação do Google.

GIF mostra idiomas disponíveis na nova ferramenta do Google

Os idiomas disponíveis no Woolaroo (Reprodução/Gooogle)

Além da Yugambeh, o Woolaroo inclui outras nove línguas: Kouri-Vini (francês da Louisiana, no sul dos EUA), greco-calabrês (sul da Itália), maori (Nova Zelândia), Nawat (América Central), Tamazight (línguas berberes da África do Norte), siciliano (sul da Itália), Yang Zhuang (China), Rapa Nui (Polinésia oriental) e iídiche (comunidade judaica).

O’Connor pretende também, a partir da ferramenta, encorajar nativos da língua a contribuírem com novas palavras e gravações de áudio para ajudar na pronúncia. “É crucial para as comunidades indígenas tenham o poder de adicionar, editar e excluir entradas”, explica. “Assim, as pessoas podem responder imediatamente às palavras e frases lembradas e adicioná-las diretamente.”

Você pode saber um pouco mais sobre o Woolaroo aqui. A ferramenta está disponível para iOS e Android.

publicidade