Vida Celular

Tudo sobre os melhores celulares

Depois da Realme, a TIM também está lançando uma campanha de Dia das Mães. A campanha da operadora contempla celulares Android e iOS. A adesão a um plano pós-pago é a condição que gera os maiores abatimentos.

O Dia das Mães vai acontecer no próximo 09/05 e a a ação da TIM se estende até 11 de maio. Isso exceto pela oferta do Galaxy S20 FE com 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento interno. Válida até 31/05, na campanha o aparelho da Samsung poderá ser obtido por R$ 1.799 mediante vinculação ao plano TIM Black 25 GB, de R$ 150 mensais, com fidelidade de 12 meses. O preço médio de mercado do celular hoje — sem vinculação a operadoras — (29/04) é de R$ 2.200.

publicidade

Para quem prefere aparelhos da Apple, entrou na ação o iPhone SE de 64 GB. Modelo lançado no ano passado, ele sai a R$ 1.999 mediante vinculação ao TIM Black Família 30 GB, de R$ 200 mensais, por 12 meses. No varejo, o aparelho com essa capacidade de armazenamento é encontrado a uma média de R$ 2.700.

Os descontos podem ser ligeiramente maiores se os interessados estiverem dispostos a contratarem planos bem mais caros. Outros celulares entram na campanha da TIM de Dia das Mães também, como os Galaxy S20, Note 20 5G, Moto G9 Plus, LG G8X ThinQ, e K62 Plus. Os preços promocionais são válidos para aquisição tanto em lojas físicas quanto na loja online da TIM.

Faça as contas

As maiores ofertas das operadoras de telefonia móvel se concentram na venda casada de um plano pós-pago. Isto porque esses pacotes, na maioria dos casos, exige fidelização de um ano. Enquanto alguns smartphones realmente ficam a preços atrativos nessas condições frente aos valores do varejo, botando na ponta do lápis, a matemática dificilmente fecha.

Um cliente pré, por exemplo, dificilmente efetua recargas de R$ 150 ou mais mensalmente, e por isso o salto de gastos com um novo plano pode zerar os descontos obtidos em um produto, ou pior, causar “prejuízos” graças a esse contrato mais caro. Por outro lado, quem já possui um desses planos pós-pagos não sai perdendo na hora de trocar de aparelho, já que neste cenário os gastos de telefonia móvel não aumentam, e ainda é possível obter um desconto razoável frente aos preços de mercado.

publicidade